Dólar R$ 5,1937 | Euro R$ 5,5292
Search

Golden está desaparecido desde a última terça-feira (4) em São Gonçalo

A família do Chorão, de 6 anos, tem procurado pelo animalzinho e oferece recompensa para quem encontrá-lo

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 07 de julho de 2023 - 10:14
Chorão é um Golden Retriever de 6 anos
Chorão é um Golden Retriever de 6 anos -

Uma família gonçalense está à procura de seu cachorro de estimação, o Chorão, desde a última terça-feira (4). De acordo com informações, o pet desapareceu por volta das 14h, entre a quinta Dom Ricardo e o Condomínio Fantasma, na Estrada do Sapê, em Santa Izabel, São Gonçalo. A família está oferecendo R$200 como recompensa pelo resgate de Chorão.

De acordo com Sarah, tutora do cãozinho, na terça-feira, quando ela chegou em casa, após passar cerca de 4 horas na rua, todos os seus animais, Chorão e outros dois cachorros, estavam fora de casa. Ela acredita que alguma criança possa ter aberto o portão para pegar alguma bola ou pipa em seu quintal, e nesse momento, os cães teriam fugido. No entanto, Chorão é o único que segue desaparecido.


Leia mais: 

Família oferece recompensa por cachorro perdido em Itaipuaçu

Obras do MUVI estão a todo vapor no Patronato, São Gonçalo



Sobre a personalidade do pet, a tutora o define como “super dócil, desconfiado e medroso”, e afirma que ele não morde.

“Ele é muito carente, eu adotei e ele é muito agarrado comigo. Ele só vai andar com outras pessoas se não me ver, mas fora isso ele só aceita a mim”, contou. Chorão tem displasia, e por isso, manca e fica com a perna trêmula ao ficar parado. 

Sarah tem espalhado cartazes pela região e procurado o Golden Retriever, de 6 anos, incansavelmente. A família está desesperada e conta com a ajuda de vizinhos e desconhecidos para para encontrar Chorão.

Em caso de qualquer informação, entrar em contato com a tutora de Chorão, Sarah, no número (21) 96803-0074.

Em caso de qualquer informação, entrar em contato com a tutora de Chorão
Em caso de qualquer informação, entrar em contato com a tutora de Chorão |  Foto: Divulgação
 

Matérias Relacionadas