Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,2538 | Euro R$ 5,5963
Search

Morador do Galo Branco vai parar na Delegacia por cativeiro de aves

Homem não tinha licenças para manter guarda dos pássaros

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 20 de março de 2024 - 18:39
Coleiro e trinca-ferro foram encontrados pelos agentes do CPAm
Coleiro e trinca-ferro foram encontrados pelos agentes do CPAm -

Um homem foi detido na manhã desta quarta-feira (20) por manter duas aves silvestres em cativeiro no Galo Branco, em São Gonçalo. Com ele, os agentes do Comando de Polícia Ambiental (CPAm) encontraram um coleiro e um trinca-ferro presos em gaiolas.

Os policiais receberam denúncias anônimas relacionadas ao caso e foram até a casa do acusado, de 63 anos. Ao chegarem lá, eles encontraram os dois pássaros. O morador confessou que não tinha as licenças ambientais necessárias para manter os animais em cativeiro.


Leia também:   

➢ Rock Festival São Gonçalo promete agitar Clube Mauá em abril 

➢ Homem é preso e menor apreendido em flagrante por tráfico no Boaçu 


As duas gaiolas foram apreendidas. O homem foi levado para a 72ª DP (Mutuá), onde prestou depoimento. A unidade registrou o caso e os pássaros ficaram com um fiel depositário, segundo a Polícia.

Matérias Relacionadas