Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9953 | Euro R$ 5,4069
Search

Integrante da Mocidade sofre ataque homofóbico e está internado em estado grave

Marcus Lerroy sofreu agressão de um motorista de aplicativo

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 28 de novembro de 2023 - 09:52
Marcus Lerroy é Destaque de Luxo da escola
Marcus Lerroy é Destaque de Luxo da escola -

Marcus Lerroy, integrante da Escola de Samba Mocidade Independente de Padre Miguel, deu entrada no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, Zona Norte do Rio, no último domingo (26), após ter sofrido agressão física de um motorista de aplicativo, em Madureira. As motivações do ataque teriam sido por homofobia.

Segundo informações de pessoas próximas à vítima, as agressões foram tão sérias que ele foi internado na unidade de saúde com hemorragia interna. Lerroy está internado no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) da unidade de saúde e os médicos avaliam a possibilidade dele ser submetido a uma cirurgia nos rins.


Leia mais:

➢ Maqueiro morto por PM’s apresentou crachá de trabalho antes de ser morto

➢ Polícia derruba pelo menos seis balões no Jardim Catarina


Através de um comunicado, a Mocidade Independente de Padre Miguel repudiou o caso:

"A Mocidade Independente de Padre Miguel vem através desta nota oficial lamentar mais um caso de agressão inacreditável a um dos meus. Na manhã do último domingo, o Destaque de Luxo, Marcos Lerroy, foi covardemente agredido na porta de sua casa por um motorista de aplicativo", informou a escola.

"Assim que recebemos a triste notícia, encaminhamos nossos representantes para dar todo suporte preciso ao nosso destaque e aos seus familiares. Pedimos a toda família Independente uma corrente de mensagens positivas para o nosso Lerroy. Até quando mais? Até quando vão nos matar? Somos o país no mundo que mais mata LGBT+ e não aguentamos mais sofrer com isso", completa o comunicado.

Não há registro do caso na Polícia Civil.

Matérias Relacionadas