Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9953 | Euro R$ 5,4069
Search

PM que investigava milícias é assassinada na porta de casa na Zona Oeste do Rio

Disque Denúncia pede informações sobre os envolvidos na morte; Um suspeito foi preso pela Polícia na madrugada deste sábado (25)

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 25 de novembro de 2023 - 09:37
Vaness Lobão trabalhava em um setor dedicado à investigação de grupos paramilitar e a contravenção
Vaness Lobão trabalhava em um setor dedicado à investigação de grupos paramilitar e a contravenção -

Policial militar que investigava milícias, Vaneza Lobão, 31 anos, foi assassinada nesta sexta-feira (24), em Santa Cruz, Zona Norte do Rio, na porta de casa.

Segundo informações do Disque Denúncia, os criminosos já aguardavam a agente no momento em que ela abria a garagem para guardar o próprio carro. Por volta das 21h30, ela foi alvo de tiros de fuzil, que saíram das armas de encapuzados em um carro preto.


Leia também

Homem é preso suspeito de atingir mulher com canivete em Nova Iguaçu

Policiais apreendem grande quantidade de entorpecentes em Angra dos Reis


No início da madrugada deste sábado (25), policiais militares do 27ºBPM prenderam um miliciano no loteamento Madean, também em Santa Cruz. Ele é suspeito no caso da morte de Vaneza Lobão. Com ele foi encontrada uma arma de fogo, que foi apreendida.

Vanessa estava lotada na 8ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM) e trabalhava em um setor dedicado à investigação de grupos paramilitar e a contravenção.

A Delegacia de Homicídio (DHC), assumiu o caso, e agentes da especializada buscam informações e câmeras de segurança, que possam ajudar esclarecer a sua motivação e a autoria do crime.

De acordo com o Disque Denúncia, com a morte da policial, sobe para 52 o número de Agentes de Segurança, mortos em ações violentas no Estado do Rio de Janeiro, no ano de 2023. Sendo 46 da Policia Militar (sendo 09 em serviço, (28) de folga, (04) reformados e (04), 03 Policiais Penais, 1 Policia Civil, 01 Corpo de Bombeiros, 01 Guarda Municipal. 

Quem tiver informações sobre a identificação dos envolvidos na morte da policial da 8ºDPJM, favor informar ao Disque Denúncia, pelos seguintes canais de atendimento:

Central de atendimento: (021) - 2253 1177 ou 0300-253-1177

WhatsApp Anonimizado: (021) – 2253-1177 (técnica de processamento de dados que remove ou modifica informações que possam identificar uma pessoa)

Aplicativo: Disque Denúncia RJ

O anonimato é garantido.

Matérias Relacionadas