Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9901 | Euro R$ 5,3963
Search

PSD, de Eduardo Paes, lança pré-candidatos a vereadores em São Gonçalo

Prefeito carioca não pôde comparecer por causa das chuvas no Rio e mandou representantes

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 22 de março de 2024 - 14:27
Pedro Paulo, ex secretário municipal de Fazenda, representou o prefeito do Rio, Eduardo Paes, que cancelou a presença por conta das chuvas
Pedro Paulo, ex secretário municipal de Fazenda, representou o prefeito do Rio, Eduardo Paes, que cancelou a presença por conta das chuvas -

Aconteceu na noite da última quinta-feira (21) a apresentação oficial da nominata de pré-candidatos a vereador em São Gonçalo do Partido Social Democrático (PSD), do prefeito do Rio, Eduardo Paes, no Centro Empresarial Parque das Águas, no Colubandê. A cerimônia também contou com a presença de representantes de outros seis partidos, que formarão coligação em apoio à pré-candidatura do deputado federal Dimas Gadelha (PT) à Prefeitura da cidade.

Anunciado como principal presença do evento, o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD) cancelou a sua vinda à cidade na última hora por conta dos alertas de temporais e fortes chuvas em todo o Estado e na capital, e enviou como seus representantes o deputado federal Pedro Paulo, ex secretário municipal de Fazenda, e o deputado estadual Renan Ferreirinha, atual secretário municipal de Educação do Rio. Eduardo Paes passou a noite no Centro de Operações Rio (COR) para acompanhar a situação e possíveis emergências na capital.


Leia mais

Grave acidente na Alameda deixa feridos em Niterói

Programações culturais são canceladas por conta das previsões climáticas

São Gonçalo entra em alerta máximo de cheias


"O prefeito Eduardo Paes, infelizmente, com as intercorrências das chuvas no Rio de Janeiro, que já se anteciparam, teve que ficar lá, mas está comprometido e vai vir aqui em São Gonçalo ainda pra estar junto com a nossa chapa", explicou o presidente do diretório gonçalense do PSD, João Pires, que apresentou a nominata de pré-candidatos à Câmara filiados ao partido, que conta com 28 nomes.

Também foi apresentada durante a cerimônia, a chapa de partidos que apoiam a pré-campanha do candidato do PT à Prefeitura de São Gonçalo. Além do PSD, integram a coligação: PV, PCdoB, PSB, PCB e Republicanos, representados no evento pelos presidentes regionais de cada sigla.

Foi apresentada durante a cerimônia a chapa de partidos que apoiam a pré-campanha do candidato do PT à Prefeitura de São Gonçalo
Foi apresentada durante a cerimônia a chapa de partidos que apoiam a pré-campanha do candidato do PT à Prefeitura de São Gonçalo |  Foto: Layla Mussi

Também presente ao evento, o prefeito de Maricá, Fabiano Horta enfatizou o desejo de estabelecer parcerias com SG, que definiu como o "centro político" da Região Metropolitana. "[SG] precisa tirar do papel coisas concretas que mudem a vida das pessoas. E a gente quer, junto com São Gonçalo, construir bons exemplos, como os que temos aqui do lado, em Maricá e no Rio", garantiu o prefeito de Maricá.

Em nome da Prefeitura do Rio, esteve presente o deputado gonçalense Renan Ferreirinha, atual secretário municipal de Educação da capital. Ele adiantou o interesse em parcerias focadas em projetos educacionais entre as duas cidades. "[São Gonçalo] pode ir muito além através de sua população e seu povo, que é muito trabalhador, que quer fazer precisa de oportunidades. E eu tenho certeza que é através de boas oportunidades educacionais que os jovens da população vão conseguir alcançar o que a cidade tanto quer", afirmou.

Pedro Paulo (PSD), deputado federal e ex-secretário de Fazenda do Rio, destacou a disposição do diretório do estadual do PSD em oferecer suporte aos vereadores ligados a sigla na cidade. "Estamos construindo uma parceria para ganhar a eleição e governar pelos próximos quatro anos aqui em São Gonçalo", destacou Pedro Paulo.

Estiveram presentes na mesa, ainda, a vereadora de São Gonçalo Priscilla Canedo (PT); o ex-secretário de Transportes, Thiago da Marmoraria; o presidente do PT-RJ, João Mauricio, entre outras lideranças políticas regionais e apoiadores dos pré-candidatos do PSD.

O primeiro turno das eleições municipais acontece no dia 6 de outubro. Interessados em se candidatar ao pleito devem estar filiados através de um partido até seis meses antes da votação - ou seja, o próximo dia 6 de abril marca a data limite para a filiação de pré-candidatos.

Matérias Relacionadas