Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,0486 | Euro R$ 5,4358
Search

Moradores do Boaçu sofrem com cobrança indevida de esgoto

Segundo relatos de moradores, a concessionária responsável está enviando uma cobrança indevida por algo que a rua nem ao menos possui rede de esgoto

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 02 de abril de 2024 - 17:23
Os moradores estão sendo cobrados por um esgoto que a rua não possui
Os moradores estão sendo cobrados por um esgoto que a rua não possui -

Os moradores da Travessa Vereador Acácio Lima, no bairro Boaçu, em São Gonçalo, estão tendo uma grande "dor de cabeça" devido à cobrança indevida de esgoto em sua conta.

"Estão cobrando o esgoto mesmo sem a rua possuir rede de esgoto ligado às casas. A maior parte dos dejetos são descarregados na rede pluvial. Mandaram a cobrança para todos os moradores da rua, sendo que nem obra fizeram, a rua não tem esgoto", afirmou Diego de Souza, morador da travessa há 25 anos.


Leia mais 

Dia de Conscientização sobre o Autismo: artista oferece tattoo grátis para mães atípicas

Instituto Gingas recebe título de Patrimônio Cultural Imaterial de Niterói


De acordo com o profissional da área de segurança do trabalho, essa cobrança, realizada pela concessionária responsável, Águas do Rio, começou no final do ano de 2022. Porém, já em 2023, após verificarem, através do envio de equipes ao local, que a rua realmente não possui esgoto, a concessionária retirou a cobrança.

"Agora o valor indevido veio novamente na nossa conta. Está afetando minha vida porque sou profissional freelancer, então nem sempre 'pinta' trabalho e fora a minha renda, só temos a aposentadoria do meu pai. Fazemos de tudo para economizar, para pagar as contas do mês e agora vem a Águas do Rio querer cobrar esgoto se nem obras eles fizeram na rua para poder fazer essa exigência. Esse dinheiro faz falta na conta do morador", relatou Diego.

Outra moradora que também está sofrendo com a cobrança de esgoto na Travessa Vereador Acácio Lima é a securitária Beatriz Cristina de Moraes, de 60 anos.

"Ano passado também veio essa cobrança na conta, mas reclamamos e eles suspenderam. Nosso esgoto vai pra rede pluvial, não tem rede de tratamento na rua e agora novamente chega essa cobrança do nada, sem nenhum aviso prévio ou informação", afirmou a moradora.

Em nota, a Águas do Rio informou que vai enviar uma equipe ao local para verificar a ocorrência e reforça que está à disposição dos clientes pelo telefone 0800 195 0 195 que funciona por meio de ligação ou mensagem de WhatsApp.

Matérias Relacionadas