Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Em busca da cura: Cantor gonçalense faz vaquinha para custear tratamento de câncer

Messias Soares, de 41 anos, é pai de dois meninos e sonha em se recuperar para seguir cantando e criando seus filhos

relogio min de leitura | Escrito por Rafaela Marques | 27 de dezembro de 2023 - 11:28
O cantor está em tratamento desde abril de 2023
O cantor está em tratamento desde abril de 2023 -

No início de 2023, um diagnóstico difícil mudou completamente a trajetória do cantor gonçalense Messias Soares, de 41 anos. Ele, que sempre se viu trabalhando com o que ama em bares e festas do Rio de Janeiro, e vivendo da música como sua principal fonte de renda, de repente estava diante da necessidade de se afastar dos palcos e focar em outra área de sua vida: a saúde.

Quando recebeu o diagnóstico, Messias estava trabalhando em bares e festas, tocando um pouco de tudo, do pagode ao MPB. No entanto, desde que descobriu um câncer no intestino com metástase hepática, em abril deste ano, Messias pôs a carreira de lado para lutar por sua vida, o que não tem sido uma tarefa fácil.


Leia mais:

Aprenda a fazer maquiagem com strass para o Réveillon

‘Nevou’ em SG: a moda que ganha cada vez mais adeptos chega junto com o verão


“Iniciamos em junho o tratamento pelo SUS, fiz 8 sessões quimioterápicas, infelizmente sem sucesso. No começo de novembro, decidimos procurar um oncologista na rede privada e ouvir uma segunda opinião, que prescreveu novas opções mais eficazes para o meu caso, porém esses medicamentos ainda não estão disponíveis para o SUS.”, disse o cantor.

Messias canta profissionalmente desde os anos 90, e já passou por diversos grupos de pagode
Messias canta profissionalmente desde os anos 90, e já passou por diversos grupos de pagode |  Foto: Divulgação/ Arquivo Pessoal

“Desde então estou nessa luta pelo tratamento pelo SUS. Já entrei com medidas judiciais para garantir esse direito e enquanto a lei não decide, decidi fazer uma vaquinha para custear esses medicamentos, que custam em média R$50 mil por mês.”

Para quem conhece os grupos de pagode “Constelação”, dos anos 90, “Pra Sambar” e o “Sambaí”, Messias já é uma figura conhecida, que levou alegria e muita música a todos esses em algum momento de sua trajetória. Em grupo ou em carreira solo, a arte sempre foi o seu trabalho, sua fonte de renda, e mais do que isso, sua grande paixão, e hoje, mesmo afastado dos palcos, Messias ainda encontra formas de driblar os efeitos colaterais do tratamento, e manter a música em sua rotina.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Messias Oficial (@cantormessiasoficial)

Apesar das dificuldades que tem enfrentado desde que descobriu a doença, o cantor não pretende parar de lutar, e sonha com o dia em que estará curado.

“Esse processo tem sido árduo em todos os sentidos. Já estou nessa luta desde abril deste ano. São muitos obstáculos e dificuldades, mas confio em Deus e tenho certeza que vou poder voltar a vida normal, criando os meus pequenos. Meu maior sonho é restituir minha saúde para poder acabar de criar meus filhos.”, disse Messias.

Messias é pai de dois meninos, um de 11 anos e outro de 6
Messias é pai de dois meninos, um de 11 anos e outro de 6 |  Foto: Divulgação/ Arquivo Pessoal

Até o momento, a vaquinha criada por Messias já arrecadou mais de R$17 mil, e busca alcançar a meta de R$50 mil, para que o cantor possa comprar os medicamentos necessários e dar início à essa nova etapa do tratamento.

Para ajudar, acesse https://www.vakinha.com.br/4307728. E para quem quiser acompanhá-lo nas redes sociais, acesse @cantormessiasoficial.

Sob supervisão de Marcela Freitas 

Matérias Relacionadas