Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Caso Daniel Alves: MP da Espanha pede nove anos de prisão por estupro

O jogador está preso desde janeiro de 2023, enquanto aguarda data para julgamento; Daniel Alves foi indiciado por agressão sexual

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 23 de novembro de 2023 - 16:37
Daniel Alves nega o caso e a defesa alega que as relações foram consensuais
Daniel Alves nega o caso e a defesa alega que as relações foram consensuais -

O Ministério Público da Espanha pediu, nesta quinta-feira (23), a condenação de Daniel Alves a nove anos de prisão pelo crime de estupro, cometido em dezembro passado, em Barcelona. Sem data marcada, o julgamento pode vir a acatar a pena.

O órgão também demanda uma indenização de 150 mil euros (R$ 799 mil) para a vítima, caso o atleta seja condenado.


Leia também

Danni Suzuki revela ter sido molestada aos 7 anos e conta reação da mãe: ‘’Para de fazer drama’’

Familiares encontram homem que havia desaparecido em São Gonçalo


O lateral, que teve três pedidos de liberdade negados, vai aguardar o julgamento na prisão, onde está sob mandado de prisão preventiva desde o dia 20 de janeiro de 2023, quando a denúncia de violência sexual de uma mulher de 23 anos veio à tona.

O caso, que ocorreu em Barcelona, é julgado pela Justiça Espanhola, que define uma pena máxima de 12 anos para o crime de violação sexual.

Daniel Alves nega o caso e a defesa alega que as relações foram consensuais.

Matérias Relacionadas