Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Procon descarta mais de 400kg de alimentos durante fiscalização

A operação descartou 406 quilos de alimentos impróprios para o consumo em 3 comércios

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 12 de setembro de 2023 - 22:05
A operação descartou mais de 400 quilos de alimentos impróprios para o consumo em 3 comércios
A operação descartou mais de 400 quilos de alimentos impróprios para o consumo em 3 comércios -

O Procon Estadual do Rio de Janeiro e a Polícia Civil descartaram, na manhã desta terça-feira (12), mais de 400 quilos de alimentos impróprios para o consumo durante uma fiscalização na Baixada Fluminense e no Centro do Rio. Um açougue foi interditado e os responsáveis por outros dois estabelecimentos foram levados à Decon.

A ação dos agentes do Procon-RJ e da Delegacia do Consumidor (DECON) aconteceu após o recebimento de denúncias.

No estabelecimento interditado, segundo os agentes, além de alimentos impróprios ao consumo, como carnes e condimentos, havia insetos como moscas e baratas, que colocavam em risco a saúde dos consumidores.


Leia mais

➢ Conheça João Fonseca; carioca, de 17 anos, campeão do US Open juvenil

➢ São Gonçalo ganha letreiro às margens de rodovia


"Essas operações são importantes porque combatem irregularidades que afetam diretamente a saúde dos consumidores. Neste caso, os estabelecimentos fiscalizados estavam comercializando produtos impróprios ao consumo. Procuramos realizar esse trabalho de forma contínua, integrando a inteligência dos órgãos fiscalizadores'', declarou Cássio Coelho, presidente do Procon.

De acordo com Coelho, o Procon-RJ possui um canal de denúncia pelo WhatsApp e, por meio dos setores de pesquisa e fiscalização, essas delações são verificadas e, quando confirmadas, tornam-se ações com outros órgãos.

Os fornecedores fiscalizados nesta terça-feira terão 15 dias para prestar sua defesa. O estabelecimento só poderá ser desinterditado depois da resolução dos problemas apontados.

Para o consumidor que desejar realizar denúncias ou reclamações é só acessar o site oficial: www.procon.rj.gov.br

Matérias Relacionadas