Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Dia dos Pais: lojistas de SG e Niterói têm boas expectativas de vendas

Data deve movimentar quase R$ 27 bi na economia do País

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 08 de agosto de 2023 - 12:20
Consumidores vão às compras para o Dia dos Pais, celebrado neste domingo (13)
Consumidores vão às compras para o Dia dos Pais, celebrado neste domingo (13) -

Faltando menos de uma semana para o Dia dos Pais, lojistas de diferentes segmentos do comércio de São Gonçalo e Niterói já estão otimistas em relação às vendas para este ano. Isso porque, de acordo com a pesquisa CNDL/SPC Brasil, 68% dos consumidores pretendem comprar presente para os pais, ou seja, cerca de 110,5 milhões de pessoas devem presentear seus entes queridos no segundo domingo de agosto.

O Dia dos Pais ocupa a terceira posição nas vendas, perdendo apenas para o Natal e Dia das Mães, quando os comerciantes chegam a aumentar o efetivo das vagas para dar conta da demanda. Segundo a presidente da Câmara de Dirigentes e Lojistas (CDL) de Niterói, Luiz Vieira, a expectativa é de um aumento de 7,5% na comparação com o ano anterior.


Leia também:

➣ Dia dos Pais com atividades gratuitas no Alcântara

➣ Frente fria muda o tempo no Rio; Confira a previsão para os próximos dias 


"Por enquanto as vendas estão bem parecidas com as do ano passado, mas ainda sim estão um pouco melhor do que na pandemia. A gente recebe bastante cliente de última hora, então ainda temos mais alguns dias para vender. E o que mais procuram são roupas para dar de presente. Sai muita blusa, calça e bermuda", diz João Victor Silva, gerente da loja de roupas 'Ousado & Ousada', localizada no Centro de Niterói.

A consumidora Cristiana Gorgonia esteve, nesta terça-feira (8), na loja para garantir os presentes para os pais da sua família.

"Estou aqui hoje comprando para os avós, pai, marido, além dos padrinhos e tios da minha filha. E sempre costumo vir aqui na mesma loja. Estou levando camisetas e bermudas, e gosto de comprar com antecedência para conseguir embalar e mandar uma cartinha junto", conta Cristiana, que fazia as compras na companhia de sua filha.

O levantamento realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), em parceria com a Offerwise Pesquisas, também apontou que a data comemorativa deve movimentar R$ 26,94 bilhões no comércio.

Entre os entrevistados da pesquisa, 62% pretendem presentear o próprio pai, 19% o esposo, 11% o pai de seus filhos e 9% o sogro. Assim como no ano passado, as roupas correspondem à maior parte das intenções de compra para a data (52%), seguidas de perfumes e cosméticos (34%), calçados (34%) e acessórios (24%), como meias, cinto, óculos, carteira e relógio.

"A nossa expectativa é a melhor possível. A perspectiva é de um crescimento de 25% a 30% no movimento para o Dia dos Pais. Então a expectativa é muito boa, já que a inflação tem diminuído, o preço dos produtos tem diminuído, e o Copom já disse que vai abaixar mais meio por cento da taxa de juros. Acreditamos que o setor de vestuário e de calçados vão ser muito fortes. Tenho certeza de que a gente vai ter um Dia dos Pais muito bom", comenta o presidente da Associação Comercial e Industrial de Alcântara, Fabiano Rodrigues.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo pelo Sindicato dos Lojistas do Comércio do Rio de Janeiro (Sindilojas Rio), na última semana de julho, estimou-se um crescimento de 4% nas vendas para a data, também na comparação com 2022. A pesquisa entrevistou 250 lojistas de diversos setores, como vestuário, calçados, joias e relógios, livros, eletroeletrônicos, celulares, artigos esportivos, perfumes e acessórios masculinos e móveis para o lar.

Clientes têm investido na compra de presentes duradouros
Clientes têm investido na compra de presentes duradouros |  Foto: Divulgação

“Estamos confiantes que este ano as vendas serão maiores. Por aqui já contamos com um aumento em 15% nas vendas com base na observação que temos do comportamento dos consumidores. As pessoas têm procurado algo mais proveitoso: que seja um presente para o pai, mas ao mesmo tempo para atender às necessidades da casa em conforto e design, por exemplo. Aqui na loja, nossos colchões são campeões nas vendas.”, comentou o empresário Juliano Gentile, dono de uma loja de vendas de colchões e móveis em Niterói.

Nas lojas de rua, embora o movimento de consumidores possa ainda ser pequeno, o aumento do fluxo deve acontecer de quinta (10) à sábado (12), visto que muitos irão deixar para comprar em cima da hora.

Tênis para presentear custam a partir de R$ 70
Tênis para presentear custam a partir de R$ 70 |  Foto: Layla Mussi

"As vendas estão boas. Estão saindo bastante sapatos e tênis masculinos nesta semana. O cliente pode encontrar aqui na loja pares de sapatos que custam a partir de R$ 70 para presentear o pai", afirma o vendedor Fabiano, da loja 'Pedro Modas', que fica no Centro de Niterói.

Matérias Relacionadas