Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Parque Paleontológico de São José recebe mais de 4,7 mil visitantes em 2023

Mais conhecimento e uma visita histórica ao passado de Itaboraí

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 13 de janeiro de 2024 - 12:25
O número superou os dados de 2022, quando o parque recebeu cerca de 2,5 mil visitantes durante o ano
O número superou os dados de 2022, quando o parque recebeu cerca de 2,5 mil visitantes durante o ano -

Mais de 4,7 mil visitantes, entre alunos da rede municipal de ensino, universitários de instituições públicas e privadas do estado do Rio de Janeiro, além da população do município, participaram da visita guiada ao Parque Natural Municipal Paleontológico de São José de Itaboraí em 2023.

O número superou os dados de 2022, quando o parque recebeu cerca de 2,5 mil visitantes durante o ano. Entre os visitantes, estiveram alunos do Ensino Fundamental (1º ao 9º ano), Ensino Médio e da Educação de Jovens e Adultos (EJA).


Leia mais: 

Curtir gastando pouco? Confira 4 opções de lazer em São Gonçalo

Nunca é tarde pra realizar: autor gonçalense publica primeiro livro após 33 anos escrevendo histórias


Gerido pela Prefeitura de Itaboraí, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (SEMAU), o Parque Paleontológico de São José fica localizado no distrito de Cabuçu. Criado com o objetivo de salvaguardar uma bacia sedimentar de rochas calcárias de milhões de anos, rica em fósseis de vegetais, aves, anfíbios, répteis e mamíferos, o parque é um dos mais importantes jazigos de fósseis do Brasil.

O secretário municipal de Meio Ambiente e Urbanismo, Jhonatan Ferrarez, destacou a importância da Unidade de Conservação (UC) para a população de Itaboraí.

"O Parque Paleontológico tem fundamental importância para o nosso município, pois além de preservar o meio ambiente, presta também um serviço ambiental para o entorno do parque. Em 2023, tivemos mais de 4 mil visitas guiadas e isso mostra que estamos no caminho certo. Recebemos visitantes de diversas unidades da rede municipal de ensino, além de universitários, e pudemos proporcionar um dia muito especial para todos eles com muito conhecimento e um resgate ao passado. O Parque Paleontológico de São José é um dos principais do Brasil e é fundamental para o meio ambiente de nossa cidade, pois preserva traços da história de Itaboraí", disse o secretário.

Durante as visitas guiadas realizadas em 2023, os alunos puderam aprender a respeito de uma parte da história de Itaboraí e voltar ao passado, por meio de rochas e fósseis presentes na Bacia Sedimentar.

A visita guiada no Parque Paleontológico de São José conta com o apoio do Grupamento Especial de Proteção Ambiental (GEPAM), da Secretaria Municipal de Segurança.

A atividade consiste na abordagem teórica, a respeito da importância do parque e seu contexto histórico, que contribuiu na produção de cimento, a partir das rochas calcárias extraídas na bacia de Itaboraí, que culminou na construção de obras importantes, como a Ponte Rio-Niterói e o estádio Maracanã.

Em seguida, é realizada uma visita ao museu, onde é explicado conceito básico de Geologia e Paleontologia, como a formação de uma bacia sedimentar, tipos de rochas encontradas e atividades vulcânicas.

O próximo passo é a ida à sala de vídeo, onde os visitantes podem assistir vídeos sobre a pré-história. E finalizando com uma trilha, em que é possível ver rochas e fósseis em seu lugar original, que estão preservadas por no mínimo 57 milhões de anos.

Um dos grupos beneficiados com a visita guiada ao parque foram os profissionais do programa Mais Médicos atuantes em Itaboraí, que visitaram a Unidade de Conservação em dezembro do ano passado. O paleontólogo e gestor do parque, Luís Otávio Castro, destacou o intuito da visita guiada e celebrou a marca de visitantes conquistadas em 2023.

"Esses números mostram que estamos no caminho certo da divulgação e conservação desse local que é muito importante para o turismo, munícipes e toda comunidade científica. Quero agradecer a toda equipe pedagógica das escolas municipais que se empenharam nessa missão de levar os alunos ao nosso parque, onde, além do conteúdo geopaleontologico e ambiental, também podem socializar em meio a natureza que o parque preserva. Seguimos com o objetivo de trazer melhorias e dar prosseguimento ao trabalho desenvolvido para 2024", disse o gestor.

Além dos agendamentos para visita guiada, o Parque Paleontológico recebeu grandes eventos abertos ao público em geral e que não necessitavam de agendamento prévio, como o Pedal Ambiental, com aproximadamente mil participantes.

Para agendar uma visita ao parque, basta enviar e-mail para (visitas@ppsji.itaborai.rj.gov.br). A unidade de conservação fica localizada na Rua José de Almeida, em São José.

Matérias Relacionadas