Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Proprietário de galeria de arte em NY é encontrado morto no Rio

Corpo foi encontrado com perfurações de arma branca

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 16 de janeiro de 2024 - 12:16
Galerista era casado e deixa um marido e um filho
Galerista era casado e deixa um marido e um filho -

Na noite desta segunda-feira (15) um homem foi encontrado morto perfurado por arma branca (como tesouras, estiletes e chaves de fenda) em seu apartamento na Rua Abreu Fialho, no Jardim Botânico, na Zona Sul da capital. O corpo foi encontrado pela advogada do galerista, Simone Nunes, que acionou os bombeiros.

Identificado como Brent G. Sikkema, 75 anos, o idoso era sócio proprietário de uma galeria de arte de Nova York, a Sikkema Jenkins & CO.


Leia também: 

Morador fica sem água em casa, mas continua recebendo contas em SG

Acidente deixa três mortos na Dutra


Acionados, os Bombeiros foram ao local às 23h05 e a vítima já foi encontrada morta. O corpo de Brent será periciado no Instituto Médico Legal (IML).

Ainda não há informações sobre a autoria do crime e motivação. A ocorrência será investigada pela Delegacia de Homicídios da Capital (DHC). 

O Consulado dos EUA no Rio de Janeiro divulgou uma nota confirmando a morte de um cidadão dos Estados Unidos. "Oferecemos nossas mais sinceras condolências à família, a quem estamos prestando toda a assistência necessária. Por motivos de privacidade, não temos comentários adicionais nesse momento", diz o comunicado.

Os vizinhos do galerista o descreveram como uma pessoa discreta e reservada. Brent deixa um marido e um filho. 

Matérias Relacionadas