Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,6845 | Euro R$ 6,1017
Search

Disque Denúncia pede informações sobre o criminoso “Daniel Sequência”

Ele anda armado de fuzil e incendeia residências, e está tentando tomar pontos de drogas de facção rival

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 03 de julho de 2024 - 08:53
Disque Denúncia pede informações sobre foragido
Disque Denúncia pede informações sobre foragido -

O Disque Denúncia divulga, nesta terça-feira (02), um cartaz para ajudar ao 25º BPM e a 126ª DP, em Cabo Frio, a fim de obter informações que levem à localização e captura do criminoso, foragido da Justiça, Daniel Costa de Souza, vulgo “Daniel Sequência ou Baloteli, de 29 anos. Ligado a facção criminosa Comando Vermelho (CV), traficantes chefiados pelo bandido, lançaram um ataque significativo contra membros do Terceiro Comando, localizados no projeto habitacional Minha Casa Minha Vida, em abril deste ano.

Daniel Sequência, anteriormente vinculado ao Terceiro Comando e gerente de uma boca de fumo no Jardim Peró, foi expulso do grupo e, para evitar retaliações que pudessem levar à sua morte, aliou-se ao Comando Vermelho. Essa nova aliança tinha como objetivo estratégico dominar as áreas atualmente sob controle do seu antigo grupo. A atuação de "Sequência" tem instigado um clima de medo, especialmente nas áreas mais vulneráveis como o Jardim Esperança. 


Leia também:

São Gonçalo e Niterói amanhecem sob forte neblina; Entenda o fenômeno

Maricá inicia 6º Festival Gastronômico de Inverno nesta sexta-feira (05)


O criminoso é suspeito da morte de Jorge Teles Schumacker, de 41 anos, com um disparo de fuzil calibre 556 dentro de sua casa no bairro Jardim Esperança. Após o homicídio, os criminosos incendiaram a residência da vítima. A família de Schumacher conseguiu escapar, mas a casa e o carro foram totalmente destruídos pelo fogo. O local do crime estava repleto de cápsulas de vários calibres, indicando a preparação meticulosa do ataque.

Contra o criminoso, consta um Mandado de Prisão, expedido pela 2ª Vara Criminal de Cabo Frio, pelo crime de Homicídio Qualificado. Considerado de altíssima periculosidade, ele já é considerado um foragido da Justiça.

Assim, as diligências para localizar criminoso e sua quadrilha continuam, e o 25ºBPM e a 126ª DP, solicita a população que repassem de forma anônima informações sobre o paradeiro de foragidos da Justiça, para o Disque Denúncia, pelos seguintes canais oficiais:

Central de atendimento/Call Center: (021) - 2253 1177 ou 0300-253-1177

WhatsApp Anonimizado: (021) – 2253-1177 (técnica de processamento de dados que remove ou modifica informações que possam identificar uma pessoa)

Aplicativo: Disque Denúncia RJ

Anonimato Garantido

Matérias Relacionadas