Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Suposto chefe do tráfico de Minas Gerais é preso em Cabo Frio

Procurado em MG, "Kiko" foi encontrado e capturado por agentes na Região dos Lagos

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 19 de janeiro de 2024 - 16:47
Suspeito foi autuado e permaneceu preso na 126ª DP (Cabo Frio)
Suspeito foi autuado e permaneceu preso na 126ª DP (Cabo Frio) -

O mineiro Aquiles Xavier Pinheiro, conhecido pelo apelido "Kiko", foi encontrado pela Polícia e preso na tarde desta quinta-feira (18), em Cabo Frio, na Região dos Lagos. Ele é acusado de chefiar atividades de tráfico de drogas em diferentes comunidades de Minas Geris e apontado como mandante de vários crimes no estado vizinho.

Kiko já estava sendo procurado por policiais do Rio de Janeiro e de Minas há algumas semanas. De acordo com os agentes, equipes do setor de inteligência tentavam monitorar o suspeito há alguns dias até receberem informações de que ele estava escondido em uma residência na Rua dos Badejos, no bairro Peró, em Cabo Frio.


Leia também:

➢ Polícia desarticula milícia que agia em Rio Bonito (vídeo)

Turistas são vítimas de extorsão, lesão corporal e roubo em praia de Cabo Frio


Com isso, policiais militares realizaram um cerco no local e conseguiram capturar o suspeito, que não resistiu à prisão. Ele é acusado de participar da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), uma das maiores do país. De acordo com as investigações, ele chefia o tráfico em duas comunidades de Belo Horizonte, capital mineira, e tem no histórico acusações de homicídios, assaltos e tráfico.

Kiko foi levado pelos agentes para 126ª DP (Cabo Frio), que autuou o suspeito e o manteve preso, à disposição da Justiça. A ação que culminou na prisão foi realizada em parceria entre a Polícia Militar dos estados do Rio de Minas.

Matérias Relacionadas