Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,2608 | Euro R$ 5,6075
Search

Brasil melhora no IDH, mas cai duas posições no ranking

Dados são de ranking de Desenvolvimento Humano de 2022

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 13 de março de 2024 - 19:08
País está no 89º lugar da listagem, que tem 193 países
País está no 89º lugar da listagem, que tem 193 países -

O Brasil caiu duas posições no ranking do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) durante os primeiros anos de pandemia, segundo dados divulgados pela Organização das Nações Unidas (ONU) nesta quarta-feira (13). De acordo com o ranking mais recente, o país está na 89ª posição da lista, que conta com 193 países. O levantamento leva em conta dados de 2022.

O índice do país foi de 0,760 em 2022, último ano do governo do presidente Jair Bolsonaro. O número é o melhor do Brasil desde 2019 e está acima da média mundial de desenvolvimento humano, de 0,739. Durante os dois primeiros anos de pandemia de covid-19, 2020 e 2021, o país ficou com 0,758 e 0,756. 


Leia também:  

➢ IFRJ de São Gonçalo receberá expansão; novo espaço será inaugurado em abril

➢ Governo antecipa o pagamento do 13º de beneficiários do INSS


Na América do Sul, o índice brasileiro ficou atrás dos de Chile (44º lugar), Argentina (48º) e Uruguai (52º). No topo do ranking, ficaram Suíça (1º), Noruega (2°) e Islândia (3º), enquanto a base da lista, com os países nas piores colocações, ficaram Somália (193º), Sudão do Sul (192º) e República Centro-Africana (191º).

Em geral, os números ficaram melhores entre os países com PIB (produto interno bruto) mais ricos e regrediram entre os mais pobres. O Índice de Desenvolvimento Humano vai de 0 a 1 e mede a qualidade de vida em países a partir dos dados de expectativa de vida, de renda e de escolaridade da população. 

Tags:

Matérias Relacionadas