Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Enel Rio contabiliza furto de cerca de 25 mil metros de cabos em 2023

A Enel Distribuição Rio, subsidiária da multinacional italiana Enel, atende 66 municípios do estado do Rio de Janeiro

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 17 de janeiro de 2024 - 08:44
A soma de furtos de cabos registrada no ano passado nas regiões dos Lagos, Norte e Noroeste ultrapassa os 21,9 mil metros, cerca do dobro da quantidade constatada em 2022
A soma de furtos de cabos registrada no ano passado nas regiões dos Lagos, Norte e Noroeste ultrapassa os 21,9 mil metros, cerca do dobro da quantidade constatada em 2022 -

No ano passado, a Enel Distribuição Rio contabilizou o furto de cerca de 25 mil metros de cabos em vias públicas de sua área de concessão, praticamente duas vezes a extensão da ponte Rio-Niterói. Este montante representa 75% de aumento na quantidade de cabos furtados em relação ao número identificado em 2022, quando o total foi de 15,61 mil metros.

A soma de furtos de cabos registrada no ano passado nas regiões dos Lagos, Norte e Noroeste ultrapassa os 21,9 mil metros, cerca do dobro da quantidade constatada em 2022, quando foram furtados mais de 10,86 mil metros. Já na região Metropolitana e nos municípios do Sul Fluminense atendidos pela Enel, a metragem de cabos furtados em 2023 foi bem menor: 2,74 mil metros, contra 4,75 mil metros em 2022.

Leia mais: 

Aqui tem história: Títulos diversos e nomes semelhantes? Conheça Alfredo Backer!

Aqui tem história: Único presidente negro e 'dono das ruas', quem foi Dr. Nilo Peçanha?

A rede da Enel Rio é composta, prioritariamente, por cabos de alumínio, que possuem valor comercial irrelevante em relação ao cobre. “Ainda assim, houve um aumento significativo de ocorrências ligadas à subtração de trechos do nosso cabeamento e de outros componentes. Temos trabalhado em colaboração com o poder público, mas pedimos à população que denuncie esse tipo de atividade, seja pelos nossos canais de atendimento ou em contato com as polícias Civil e Militar”, ressalta José Luís Salas, diretor de Redes da Enel Distribuição Rio.

Os furtos de cabos e outros componentes da rede elétrica representam perigo para quem pratica esse ato ilícito, além de riscos de incêndios e explosões. Os furtos podem causar também sobrecargas e blecautes no sistema de distribuição de energia elétrica, afetando a população em geral e o meio ambiente. De forma geral, os reparos destes danos demandam a reconstrução de trechos de rede e muitas horas de serviço: até mesmo dias ou semanas para a normalização, dependendo da gravidade do vandalismo.

Este tipo de delito tem ocorrido também dentro das subestações da distribuidora. E quando uma subestação é afetada, há necessidade de isolar a unidade do sistema elétrico para a execução de reparos. Isso ocasiona transtornos no suprimento de energia dos locais atendidos pela subestação.

Para denunciar este tipo de crime, o cliente pode utilizar o telefone 2253-1177, informar os casos à Central de Atendimento 0800 28 00 120 ou ainda acessar o site da Enel em

https://www.eneldistribuicao.com.br/rj/denuncie.aspx# .

Matérias Relacionadas