Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,2538 | Euro R$ 5,5963
Search

Gabigol é suspenso por dois anos por fraude em exame de doping

Atacante do Flamengo foi condenado por se acusação de fraude no exame

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 25 de março de 2024 - 17:18
Decisão cabe recurso
Decisão cabe recurso -

O atacante Gabriel Barbosa, o "Gabigol" do Flamengo, foi condenado a cumprir dois anos de suspensão por conta de um tentativa de fraude do exame antidoping no ano passado. O julgamento aconteceu na tarde desta segunda (25); como a penalização começa a contar o período suspenso a partir da data da infração, ele está impedido de entrar em campo até abril de 2025. A decisão ainda cabe recurso.

Gabigol foi condenado por "fraude ou tentativa de fraude de qualquer parte do processo de controle", infração ao 122° artigo do Código Brasileiro Antidopagem. A corte da Justiça Desportiva Antidopagem que avaliou o caso decidiu, por 5 a 4, pela punição do atleta. Gabigol já havia prestado depoimento à Corte por videoconferência na última quarta (20), na primeira sessão do julgamento.


Leia também:  

➢ Popó vence mais um por nocaute; oponente resistiu mais que Bambam

➢ Após eliminação para 'Laranja Mecânica' da Baixada, Vasco demite Alexandre Mattos


O atleta teria tentado fraudar o exame no dia 8 de abril de 2023, quando se recusou a fazer o antidoping de rotina junto dos colegas de equipe antes de um treino. A equipe responsável pela realização do exame acusa Gabigol de ter desrespeitado profissionais, ignorado eles e saído para almoçar na hora da realização. Quando, eventualmente, fez o teste, ele teria descumprido uma série de procedimentos indicados para a realização.

Em nota, o Flamengo confirmou que o atleta vai recorrer da decisão, com o apoio do time. No posicionamento, o clube diz que "recebeu com surpresa a referida decisão e que auxiliará o atleta na apresentação de recurso à Corte Arbitral do Esporte (CAS), uma vez que entende que não houve qualquer tipo de fraude, nem mesmo tentativa, a justificar a punição aplicada".

Matérias Relacionadas