Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,0950 Euro down 5,2397
Search

Enel Rio e Exército Brasileiro fecham parceria para formar eletricistas

As aulas da primeira turma serão iniciadas em 14/12

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 01 de dezembro de 2020 - 11:45
No total, serão cerca de 230 horas de formação
No total, serão cerca de 230 horas de formação -

A Enel Distribuição Rio, em parceria com o Exército Brasileiro, vai capacitar jovens militares por meio do projeto Soldado Cidadão. A iniciativa, criada pelo Exército em 2004, proporciona qualificação profissional aos militares temporários, possibilitando a esse grupo novas qualificações profissionais e melhores condições de ingresso no mercado de trabalho, ao término do Serviço Militar.

Os primeiros 40 soldados selecionados farão parte do primeiro ciclo de formação de Eletricistas ministrado no recém-inaugurado Centro de Excelência Operacional da Enel Distribuição Rio, localizado em Cabo Frio, na Região dos Lagos. As aulas da primeira turma serão iniciadas em 14/12, divididas entre Educação a Distância (EAD) e presencial, esta última seguindo todo o protocolo de segurança da pandemia. No total, serão cerca de 230 horas de formação, no período de até 60 dias de aulas.

A parceria, além de absorver mão de obra especializada por empresas parceiras do grupo Enel, possui um foco importante no tema segurança e de sustentabilidade para criação de emprego na região. Os jovens soldados possuem uma formação baseada em cumprimento de regras e na disciplina, que são valores extremamente importantes para a execução segura das atividades de eletricista de rede.

“Foram selecionados os militares no último ano de reengajamento como prioridade, que possuem conceito favorável de seus comandantes imediatos e cumpriram com suas obrigações de forma exemplar no período em que integraram as fileiras do Exército”, afirma o General Helder, Comandante da Brigada de Infantaria Pára-quedista do Exército Brasileiro.

Capacitação profissional

Foram selecionados 40 soldados que estão concluindo o Serviço Militar para fazer parte do programa. Durante o curso, os soldados também serão incluídos no projeto de Sustentabilidade Enel Compartilha Oportunidade, que promove a capacitação profissional e a preparação de jovens e adultos para o mercado de trabalho. São oficinas gratuitas, que orientam os participantes sobre empregabilidade, dando recomendações sobre como se comportar em uma entrevista de emprego, como desenvolver um currículo, além de trabalhar temas como marketing pessoal, autoconfiança, ética profissional e uso inteligente das mídias sociais. Os alunos que obtiverem um bom desempenho no curso poderão ser contratados por empresas parceiras da Enel.

“Essa iniciativa pode representar uma verdadeira transformação na vida desses jovens, que têm em média até 25 anos, e desejam ingressar no mercado de trabalho. Muitos deles estão em situação de vulnerabilidade social e, por meio dessa formação técnica que receberão, estarão mais bem preparados para o mercado de trabalho”, afirma Leonardo Soares, Responsável por Projetos de Sustentabilidade da Enel Distribuição Rio.

A iniciativa, além de contribuir para formação de jovens profissionais do nosso país, também está alinhada a alguns dos compromissos assumidos pelo Grupo Enel com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas, em especial com o ODS8 - Trabalho Decente e Crescimento Econômico -  e o ODS 17 – Parcerias e Meios de Implementação.

Sobre o projeto Soldado Cidadão

A iniciativa está inserida no Programa de Assistência e Cooperação das Forças Armadas à Sociedade Civil, sob a responsabilidade do Ministério da Defesa. Tem como finalidade proporcionar uma qualificação profissional aos militares temporários carentes ou em situação de risco social. Sua operacionalização envolve organizações militares e entidades civis de ensino profissionalizante. Desde a sua implantação, já capacitou no Exército mais de 130 mil jovens, dos quais cerca de 70% encontraram colocação no mercado de trabalho após o término da prestação do Serviço Militar.

Matérias Relacionadas