Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,1579 Euro down 5,2990
Search

Portal dos Procurados pede informações sobre os envolvidos na morte de policial militar do 41º BPM

Policial foi morto em Duque de Caxias

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 25 de dezembro de 2020 - 20:48
Após os criminosos terem identificado ele como policial, o agente foi baleado
Após os criminosos terem identificado ele como policial, o agente foi baleado -

O Portal dos Procurados divulga nesta sexta-feira, dia 25/12, cartaz com título - Quem Matou? - para ajudar a Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense - DHBF e ao Grupo de Pronta Resposta da Subsecretária de Inteligência da PM/SEPMERJ (GPRI), com informações que possam levar a identificação e prisão dos envolvidos na morte do Sargento da Polícia Militar do Rio de Janeiro Anderson Quinhão Vieira, de 43 anos.

Lotado no 41º BPM (Irajá), ele foi morto nesta quinta (24), na Avenida Narcisa Amália, no bairro Imbariê, em Duque de Caxias. O sargento passava pelo local e foi rendido. Após os criminosos terem identificado ele como policial, o agente foi baleado. O PM foi socorrido e levado ao Hospital Geral Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, mas não resistiu.

Com a morte do SGT/PM Quinhão chega a 54 o número de Agentes de Segurança Pública mortos no Rio de Janeiro em 2020, sendo 40 da Policia Militar, 02 da Policia Federal, 03 do Corpo de Bombeiros, 04 da Policia Civil, 02 da Marinha do Brasil, e 02 Policial Penal da SEAP, 01 do Exército Brasileiro (EB).

Agentes da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) buscam informações para identificar a autoria do crime.

O Disque Denúncia recebe informações sobre morte de policiais em seus canais de atendimento:

WhatsApp Portal dos Procurados: (21) 98849-6099

Facebook/(inbox): https://www.facebook.com/procuradosrj/,

Telefone do Disque-Denúncia (21) 2253-1177

APP “Disque Denúncia RJ".

https://twitter.com/PProcurados (mensagens).

O Anonimato é Garantido. Todas as informações pertinentes sobre o caso serão encaminhadas para DHBF e PMERJ.

Matérias Relacionadas