Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down Euro down 5,4894
Search

Morador de rua é agredido e autores do crime são expulsos de academia de luta (veja vídeo)

Jovens agrediram um morador em situação de rua na Estrada do Cabuçu, em Campo Grande, Zona Oeste do Rio, que foi filmada

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 07 de dezembro de 2020 - 22:14
Imagem ilustrativa da imagem Morador de rua é agredido e autores do crime são expulsos de academia de luta (veja vídeo)

Por Carol Pina e Sérgio Soares 

Nesta segunda-feira (07), dois jovens foram flagrados agredindo um morador em situação de rua na Estrada do Cabuçu, em Campo Grande, Zona Oeste do Rio. E por causa do flagrante, os dois foram expulsos de uma academia de luta onde treinavam. O vídeo da agressão circulou por toda a internet neste fim de semana. Até o momento, a data da gravação do vídeo, as identidades dos envolvidos e o estado de saúde da vítima são desconhecidos. De acordo com a Polícia Civil, não houve registro desta ocorrência na 35ª DP (Campo Grande).

O vídeo gerou revolta nas redes sociais para muitos internautas, que se referem aos agressores como “Animais covardes”. “Meu Deus quanta maldade de um ser humano”, disse uma rede social, e uma mulher chega a se espantar dizendo: “Meu Deus, que isso? Quanta violência, coitado estava deitado sem incomodar ninguém”.

O diretor técnico Augusto Cesar Matheus de Oliveira, conhecido como Matheus D’Ouro, que dá aulas na academia onde os dois jovens treinavam afirmou: “A Academia Castelo D’Ouro vem a público repudiar o ato de violência perpetrado por menores, sendo dois deles ex-alunos dessa academia, e um cidadão maior de idade, ciente e responsável por seus atos, sendo um deles o terrível e covarde ataque a um morador de rua que vive em situação de vulnerabilidade”.

As imagens tem duração de 23 segundos e chocam o público pelas cenas fortes. Três pessoas aparecem na gravação, além do morador em situação de rua, que estava deitado na porta de um estabelecimento fechado. Um dos agressores já chega dando um chute na cabeça da vítima, e logo em seguida o segundo agressor dá um soco no morador, que segue sentado no chão sem conseguir expressar qualquer reação. Quando a vítima consegue levantar, um deles o chama para a luta. Contudo, após tentar se defender, ele é socado novamente na cabeça e é imobilizado com uma “gravata”.

Novos golpes são executados pelos agressores no pescoço, cabeça e nas costas, e quando jogam o homem no chão, chutam sua costela fazendo a vítima cair. 

Matheus D’Ouro ainda ressalta em nota: “No vídeo veiculado mostra claramente a intenção do ato violento sem que possamos querem entender o outro lado, fato que o agredido não poderia e nem pode se defender frente a crueldade e o número superior de agressores que se levantaram contra ele, além do que já aqui declarado a situação de vulnerabilidade apresentada. A Academia Castelo Douro vem a público informar que estão desligados desta Academia a partir desta data, não fazendo mais parte do quadro de alunos e competidores. Deixamos aqui nossa solidariedade ao agredido e nos colocaremos a sua disposição indo ao local onde o mesmo foi agredido e levar-lhe apoio".

Matérias Relacionadas