Portal divulga cartaz para tentar prisão dos envolvidos na morte de PM na Baixada

Objetivo é tentar estimular denúncias que possibilitem identificação e prisão dos envolvidos na morte do cabo Douglas Barbosa, em N Iguaçu

Escrito por Redação 06/12/2020 09:04, atualizado em 06/12/2020 09:51
. Foto: Divulgação


O Portal dos Procurados divulgou neste domingo, (6), cartaz com título - Quem Matou? - para ajudar a Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense - DHBF e ao Grupo de Pronta Resposta da Subsecretária de Inteligência da PM/SEPMERJ (GPRI), com informações que possam levar à identificação e prisão dos envolvidos na morte do Cabo da Polícia Militar do Rio de Janeiro Douglas Constantino Barbosa, de 37 anos.


Lotado no 9º BPM (Rocha Miranda) o cabo foi morto a tiros, na tarde deste sábado (05), por volta das 16h:50m, Rua Aiwa, no bairro Santa Rita, Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Douglas estava em um estabelecimento comercial, quando dois criminosos encapuzados, em um veiculo da marca Celta, na cor prata, desceram e fizeram diversos disparos de fuzil, contra o militar. Depois, os bandidos levaram a arma do policial e tomaram sentido ignorado.


Ele foi socorrido para o Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI), mas chegou sem vida ao hospital. Esse é o segundo policial militar assassinado em menos de 24h na Baixada Fluminense; O também cabo da corporação, Derinaldo Cardoso dos Santos, de 34 anos, tentou impedir um assalto a uma loja da Casa & Vídeo no Centro de Mesquita, na tarde de sexta-feira (04), quando foi baleado na cabeça e também não resistiu aos ferimentos.


Com a morte dos dois, chega a 53 o número de agentes de segurança pública assassinados no Rio de Janeiro em 2020, sendo 39 da Policia Militar, dois da Policia Federal, três do Corpo de Bombeiros, quatro da Policia Civil, dois da Marinha do Brasil, dois policiais penais da Secretaria de Administração Penitenciária  e um  do Exército Brasileiro).


A Polícia Militar lamentou a morte do agente e informou que ainda não há informações sobre seu sepultamento. Quem tiver qualquer informação a respeito da identificação e localização dos envolvidos na morte CB Douglas, pedimos que denuncie anonimamente pelos seguintes canais abaixo: 


WhatsApp Portal dos Procurados: (21) 98849-6099, Facebook/(inbox): https://www.facebook.com/procuradosrj/, Telefone do Disque-Denúncia (21) 2253-1177, APP “Disque Denúncia RJ “ ou https://twitter.com/PProcurados (mensagens).


Todas as informações sigilosas sobre o caso serão encaminhadas para DHBF e PMERJ, que tem como prioridade prender os envolvidos na morte de Agentes de Segurança Pública no Rio. O Anonimato é Garantido.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas