PMs resgatam mulher que foi sequestrada e estava em cárcere privado

Mulher estava presa há cinco dias sem água e comida

Enviado Direto da Redação
Mulher estava presa há cinco dias sem água e comida

Mulher estava presa há cinco dias sem água e comida

Foto: Divulgação

Policiais Militares do 14º BPM (Bangu) e do 41º BPM (Irajá) resgataram uma mulher que estava mantida em cárcere privado em uma casa na comunidade da Vila Vintém, em Realengo, na Zona Oeste do Rio. A ação foi realizada na madrugada desse sábado, 21. A vítima contou aos militares que o sequestro aconteceu no início da semana.

Segundo informações do G1, a mulher, que ficou em cárcere por cinco dias, foi agredida e violentada pelo homem, além de ter ficado sem água e sem comida. De acordo com a vítima, o sequestrador a acusou de furtar R$ 2500 de sua casa e a ameaçou de morte, caso ela não arrumasse esse valor até às 8h deste sábado.

A jovem disse que conhecia o homem apenas de vista, já que conversavam no horário do almoço, numa praça. Durante uma dessas conversas, houve um tiroteio na região e ela se abrigou na casa desse homem, que fica em frente à praça que normalmente eles conversavam. Depois que a vítima foi até a casa do homem, ele afirmou que o dinheiro sumiu a manteve ela trancada na casa.

O responsável pelo crime foi preso em flagrante pelos policiais, que chegaram à casa após a jovem ter conseguido contatar a polícia na sexta-feira à noite, em um momento que o sequestrador deixou a casa.

O homem foi autuado em flagrante pelos crimes de extorsão mediante sequestro e lesão corporal. O caso foi registrado na 35ª DP (Campo Grande).

Veja também