Vídeo de suposta amante de miliciano agredida por traficantes circula na internet

Na mesma noite, ocorreu um tiroteio na região

Enviado Direto da Redação
O vídeo está circulando nas redes sociais

O vídeo está circulando nas redes sociais

Foto: Divulgação/Edição Filipe Aguiar

A Polícia Civil investiga um vídeo que circula pela internet onde a suposta amante de um miliciano é agredida em Praça Seca, Jacarepaguá, por traficantes. O vídeo começou a circular nas redes sociais na última segunda-feira (27). No mesmo dia, moradores da região também relataram um confronto armado entre grupos no local, que fica próximo ao Morro São José Operário. A situação assustou e desesperou aqueles que moram na área.


O vídeo mostra uma mulher rendida por traficantes. Na gravação, ela está cheia de hematomas e um criminoso afirma que ela foi agredida por ser amante de um miliciano. O namorado da mulher teria abandonado ela na hora da invasão dos traficantes. 


Ao final do vídeo, ainda é possível ver várias cápsulas de bala no chão próximo aos pés da mulher e do traficante que gravava o vídeo. O criminoso ainda teria falado na gravação que não mataria a mulher.


Confronto


O tiroteio ocorrido durante a noite de ontem (27), tem relação com uma disputa de território da região entre milicianos e traficantes. Agentes do 18° Batalhão da Polícia Militar montaram um cerco na Rua Cândido Benício, ao redor da comunidade. 


Até o momento, foi registrado o óbito de um jovem estudante de direito de 24 anos, que chegou a ser encaminhado para o Hospital Carlos Chagas após ser baleado, mas não resistiu aos ferimentos. E também foi confirmado que uma idosa, que estava vendo televisão dentro de casa, foi atingida por uma bala perdida que atravessou a coxa dela e foi parar na sua virilha. A idosa foi encaminhada para o Centro de Terapia Intensiva (CTI) em unidade particular de saúde. Nesta terça-feira (28), o policiamento na região foi reforçado. A ocorrência do caso do óbito do estudante foi encaminhada para Delegacia de Homicídios da Capital.

Veja também