Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,0950 Euro up 5,2636
Search

Programa de segurança 'Niterói Presente' é iniciado na Zona Norte de Niterói

Barreto é o oitavo bairro a receber a estrutura. Previsão inicial é a de que 94 agentes façam o patrulhamento

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 18 de abril de 2020 - 12:20
O Barreto é o oitavo bairro a receber a Operação Niterói Presente
O Barreto é o oitavo bairro a receber a Operação Niterói Presente -

Em operação em sete bairros, o programa Niterói Presente começou efetivamente no Barreto nesta sexta-feira (17/04). O anúncio foi feito pelo prefeito Rodrigo Neves, durante cerimônia no Parque Palmir Silva, que contou com a presença dos representantes das forças de segurança do estado e do município. A previsão inicial é a de que 94 agentes façam o patrulhamento no bairro da Zona Norte da cidade em 10 motocicletas e 5 viaturas, num investimento total de R$22 milhões nos próximos dois anos.

A negociação que ampliou o convênio entre o município e o estado, no ano passado, expandindo o Niterói Presente para o Barreto, contou com a interlocução e a articulação do deputado Paulo Bagueira

“O início do programa no Barreto mostra que o governo municipal, mesmo enfrentando a guerra contra o coronavírus, não se descuidou de outros setores da cidade, como a segurança, por exemplo. Nosso mandato na Alerj se empenhou desde o primeiro dia para que esse convênio fosse ampliado, rendendo frutos para outras regiões de Niterói.  Agradeço ao prefeito Rodrigo Neves e ao governador Wilson Witzel pela sensibilidade e apoio na implantação do Niterói Presente no Barreto”, disse.

Durante o evento, o prefeito lembrou da expectativa para o início da operação no bairro, enalteceu a parceria com o governo estadual e falou do sucesso do programa na cidade. “Esta é uma nova etapa da cooperação entre a prefeitura e o Governo do Estado. O programa é uma realidade que foi bem acolhida pela população e bem-sucedida na cidade. Nos últimos dois anos, os índices de criminalidade tiveram uma redução significativa. Tivemos queda de 80% no roubo a veículos e 60% no roubo a pedestres, além de redução de roubos a estabelecimentos comerciais e a letalidade violenta”, comemora.

Matérias Relacionadas