Supostos traficantes ameaçam comerciantes que aumentarem preços em São Gonçalo

Comunicado foi feito pelas redes sociais

Enviado Direto da Redação
Comunicado foi feito pelas redes sociais

Comunicado foi feito pelas redes sociais

Foto: Divulgação

Em meio a pandemia do novo coronavírus, supostos líderes do tráfico das principais comunidades de São Gonçalo fizeram ameaças, via redes sociais, aos comerciantes que estão praticando preços considerados abusivos em produtos essenciais para higienização e alimentação.

Em um perfil usado para falar sobre comunidades do Jardim Catarina, controlada pelo Comando Vermelho (CV), a mensagem ainda recebeu assinatura dos 'crias'.

"Atenção. Informamos aos donos de farmácia, mercado ou qualquer tipo de comércio, que a partir de hoje NÃO aceitaremos preços abusivos em nossa comunidade. Vocês sempre dependeram dos nossos moradores, hoje eles dependem de vocês e NÓS lutaremos por ele. Ass. Os crias".

No outro aviso, em um perfil usado por homens do Complexo do Salgueiro, controlado pela mesma facção, o comunicado foi parecido, também em tom de ameaça.

"Vcs que tem comércio, farmácia, mercado, vamos respeitar nossos morador pq vcs dependem deles e hoje eles dependem de vcs. Eles não estão sozinhos, nós lutamos por eles, então desde já fica avisado que não vamos tolerar preços abusivos em nossa comunidade. Ass. A diretoria (sic)".

Por conta dos preços que já estão sendo praticados em alguns comércios, diversos moradores das duas regiões acabaram apoiando as ameaças realizadas.

Veja também