Jovem é assassinada após ex-namorado não aceitar fim do relacionamento, em Maricá

Crime aconteceu na noite da última quinta-feira (28)

Enviado Direto da Redação
Katlen estaria indo para a escola quando teve uma discussão com o homem.

Katlen estaria indo para a escola quando teve uma discussão com o homem.

Foto: Divulgação

Por Daniela Scaffo


Familiares de Katlen da Silva Carmo, de 20 anos, que foi assassinada a tiros, na noite de quinta-feira (28), no bairro Itaipuaçu, em Maricá, acreditam que a jovem foi morta pelo ex-namorado por ele não aceitar o fim do relacionamento. 


Moradora do bairro Parque Vera Cruz, Katlen estaria indo para a escola quando, na esquina da rua 34 com 51, no bairro Jardim Atlântico (Itaipuaçu), teve uma discussão com o homem.


Ele teria atirado na vítima e 'saiu andando como se nada estivesse acontecido', conforme informado em uma publicação feita por um amigo de Katlen, na página Itaipuaçu em Alerta.


"Tirou a vida dela por não aceitar a separação. Ninguém é obrigado a ficar com ninguém", disse uma amiga da família, nas redes sociais.


"Matou na frente de todos rua com movimento saiu andando como se nada estivesse acontecido foram atrás, mas ele armado ninguém pode segurar", explicou uma outra pessoa.

Veja também