Especialista diz que morte de 3N pode desencadear nova 'guerra' em São Gonçalo

Tendência é o CV tentar retomar áreas perdidas

Escrito por Redação 26/11/2019 14:23, atualizado em 26/11/2019 15:21
Traficantes foram mortos no início da manhã desta terça-feira
Traficantes foram mortos no início da manhã desta terça-feira . Foto: Leonardo Ferraz

A morte do traficante Thomas Jayson Gomes Vieira, o 3N, e de um de seus principais aliados, Alexandre Souza de Lima, o Xandinho do TCP, apesar de comemorada pela polícia e também pela população, pode fazer com que 'exploda' uma guerra ainda maior na cidade de São Gonçalo. Segundo o especialista em Segurança Pública e presidente do Instituto de Criminalística e Ciências Policiais da América Latina, José Ricardo Rocha Bandeira, a morte de 3N gera um cenário indefinido na região.

"A morte do traficante 3N pode sem dúvida desencadear uma guerra na região seja por parte dos que pretendem assumir o posto de chefe da venda de drogas ou por parte das facções rivais pelo controle do território", disse José.

Para José, a morte do traficante também não simboliza uma maior facilidade para a polícia retomar o controle das regiões onde ele dominava. Segundo o especialista, o ideal é que os órgãos de segurança evitem que outra facção invada estas localidades.

"Dentro deste cenário indefinido não seria viável a tomada de território por parte da polícia, pois envolveria um alto investimento e risco para as tropas do estado que deverão ficar de prontidão para evitar uma invasão da facção rival, fato este que poderia levar grande risco aos moradores, e neste caso a polícia interviria para estabilizar a comunidade sem necessariamente efetuar uma ocupação formal", explicou.

Vale lembrar que no último dia 14, o traficante Antonio Ilario Ferreira, conhecido como Rabicó ou Coroa, chefão do tráfico de drogas no Complexo do Salgueiro e reconhecidamente adversário de 3N, ganhou liberdade depois de mais de 11 anos preso. Pode ser dada por ele a ordem de invasão aos locais que eram controlados por 3N.

"O benefício do Comando Vermelho seria aproveitar a confusão gerada pela morte do 3N e neste momento de troca de “comando” na comunidade tentar fazer alianças visando   angariar aliados para uma tomada de território", concluiu.

Traficantes foram mortos no início da manhã desta terça-feira
Traficantes foram mortos no início da manhã desta terça-feira. Foto por Leonardo Ferraz
Traficantes foram mortos no início da manhã desta terça-feira
Traficantes foram mortos no início da manhã desta terça-feira. Foto por Leonardo Ferraz

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas