Tráfico 'ameaça' estudantes que levarem réplicas para escola no Jardim Catarina

'Comunicado' foi feito nas redes sociais

Enviado Direto da Redação
'Comunicado' foi feito nas redes sociais

'Comunicado' foi feito nas redes sociais

Foto: Reprodução/Jardim Catarina Informa

Dois dias depois de O São Gonçalo publicar que um grupo de alunos do Colégio Estadual Trasilbo Filgueiras, no Jardim Catarina, em São Gonçalo, apareceu em um vídeo exibindo diversas armas de brinquedo e cantando músicas que fazem apologia ao tráfico de drogas, traficantes usaram as redes sociais para 'reprovar' a atitude.

Em um rede social bastante 'habitada' por traficantes, um perfil conhecido por publicar informações sobre o Comando Vermelho, facção que domina a área do Jardim Catarina, fez uma publicação ameaçando os alunos.

"Se os cria pega (sic) levando réplica pros colégios já sabe quem for pego vai ganhar um corretivo!!!", dizia a postagem.

O 'desfile' com as réplicas aconteceu durante “FeirArte 2019” do Colégio Estadual Trasilbo Filgueiras.

Em uma carta aberta, a comunidade escolar afirmou que "projeto “FeiraArte” acontece há 10 anos e tem como objetivo realizar trabalhos representativos do tema anual da feira. O deste ano foi “Sétima Arte: Cinema” que foi muito bem elaborado e executado pelas professoras da disciplina de educação artística.

Devido ao grande número de alunos e poucos funcionários na unidade, alguns dos alunos passaram com réplicas de papelão/brinquedo de armas de fogo, sem qualquer AUTORIZAÇÃO OU AVISO PRÉVIO pelo portão da escola. As réplicas identificadas foram recolhidas imediatamente pela diretora geral".

Em nota, a Secretaria de Estado de Educação informou que "a direção do colégio pôs em prática o protocolo da SEEDUC, comunicou as famílias, o Conselho Tutelar e uma equipe multidisciplinar do Programa Cuidar composta por psicólogos e assistentes sociais. Foi também registrado um boletim de ocorrência na Delegacia da região. Os estudantes serão suspensos e só retornarão ou não após avaliação da equipe do Programa Cuidar. Será analisada a possibilidade de eles serem transferidos para outra unidade de ensino".

Veja também