Traficante 3N tenta retomar o Complexo do Salgueiro, seu antigo reduto

Dois homens teriam sido mortos no ataque

Escrito por Redação 08/10/2019 06:36, atualizado em 08/10/2019 06:21
Em resposta, bandidos do CV exibiram armas em fotos na redes sociais
Em resposta, bandidos do CV exibiram armas em fotos na redes sociais . Foto: Divulgação

Uma das principais lideranças do Terceiro Comando Puro (TCP) em todo o Estado do Rio, o traficante Thomas Jayson Gomes Vieira, o 3N, foi até o Complexo do Salgueiro, na noite desta segunda-feira (7), matou dois desafetos e desafiou as lideranças do Comando Vermelho.

De acordo com informações preliminares, o traficante, acompanhado de cerca de 20 homens fortemente armados, foram até uma localidade conhecida como Central e trocaram tiros com integrantes da facção rival. Durante o confronto, dois criminosos do Comando Vermelho (CV) foram mortos pelo “Bonde do 3N”, em uma espécie de “baque” do TCP em um dos “quartéis-generais” da facção rival no Estado do Rio.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra homens armados passando em frente a uma marmoraria. O autor do vídeo afirma que os criminosos em questão são 3N e seus seguranças, identificados como Alexandre Souza de Lima, o Xandinho, e Luiz Ricardo Monteiro Cunha, o Ricardinho, acompanhados de outros traficantes ligados ao TCP.

Nas redes sociais, moradores do Complexo do Salgueiro relataram intenso tiroteio, que começou por volta das 22h desta segunda-feira (7).

Em tom de provocação, uma página ligada ao Comando Vermelho postou uma ameaça ao grupo liderado por 3N.

“Já falei, vcs tão sonhando muito com o salgueiro, vão acabar acordando sem o miriambi, cxd, alma, candoza e 590 (sic)”, em referência às comunidades controladas pelo grupo criminoso rival.

Traficante já tinha feito o mesmo em outro reduto do CV em SG - 3N foi até o Jardim Catarina, um dos principais redutos do CV na região, em agosto deste ano, e matou um de seus 'inimigos' na comunidade. A vítima seria um dos antigos aliados de Schumaker Antonácio do Rosário, o Piloto, antigo chefe do tráfico de drogas da localidade.

Segundo a polícia, a vítima, um menor de idade, seria integrante da facção Comando Vermelho e realizava diversas ameaças ao Terceiro Comando Puro (TCP) através das redes sociais. Em uma delas, ele teria replicado uma foto de um "soldado" da facção e o ameaçado de morte.

Morte de Schumaker foi o estopim para guerra de facções - Após a morte de Schumaker Antonácio do Rosário, o Piloto ou F1, em abril deste ano e a iminente saída de 3N do Comando Vermelho, uma nova guerra pelo controle do tráfico de drogas de São Gonçalo era esperada pela polícia desde então.

3N deixou o Complexo do Salgueiro após matar Schumaker Antonácio do Rosario, o Piloto ou F1 e mais três ‘seguranças’ dele, na localidade de Itaóca, no Salgueiro. As mortes, segundo investigações da Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNISG) teriam ocorrido pelo fato de Piloto, líder do CV no Jardim Catarina, ter se recusado a acompanhar 3N na mudança de facção.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas