Traficante 'Sem Mão' desafia a Polícia em Niterói

'Soldados' do tráfico fazem patrulhamento dia a e noite em motos ao longo da Rua Mário Vianna

Enviado Direto da Redação
'Tiquinho´é um dos líderes do tráfico em Santa Rosa

'Tiquinho´é um dos líderes do tráfico em Santa Rosa

Foto: Divulgação

A 'caçada' policial ao traficante Marcos Patrick da Silva Aquino, 29, o 'Tiquinho''Putão' ou 'Sem Mão', está levando pânico aos moradores de Santa Rosa, na Zona Sul de Niterói. Nos últimos dias, policiais civis e militares realizaram pelo menos quatro operações em comunidades do bairro, com uso de blindados e de helicóptero, em que foram recebidos a tiros pelos traficantes. Tiquinho, que perdeu a mão direita ao tentar lançar uma granada contra PMs em novembro de 2015, comanda o tráfico nos morros da Grota, Cruz, União, Igrejinha e Viradouro. 


De acordo com investigações do Setor de Inteligência da Polícia, para alertar os criminosos sobre as investidas policiais, Tiquinho instalou olheiros ao longo da Rua Mário Vianna e mantém um grupo de 'soldados' circulando de moto e fazendo patrulhamento ao longo da via. O limite para que policiais possam circular sem serem atacados é o cruzamento da Mário Vianna com a Rua Elzira Brandão. Dali em diante, policiais só entram em comboio. Há uma semana, os traficantes instalaram uma barreira com um trilho de trem na subida do Beco da 600, impedindo a entrada de viaturas policiais. 


Há uma semana, por volta de 22h, dois 'patrulheiros' do tráfico numa motocicleta foram surpreendidos por um comboio de agentes do 'Niterói Presente', na esquina da Rua Mário Vianna com Travessa Matos Coutinho. Houve perseguição e troca de tiros que durou cerca de 20 minutos. Pegos de surpresa no meio do confronto, pedestres se atiraram no chão, motoristas tiveram que voltar na contramão. Nesse dia, a troca de tiros entrou pela madrugada, com relatos de moradores nas redes sociais pedindo socorro.          


'Tiquinho' se encontra foragido da Justiça desde que ganhou a liberdade provisória no ano passado e não voltou ao presídio onde estava para cumprir o restante da pena. de acordo com a polícia, ele seria hoje um dos homens de confiança de líderes do Comando Vermelho (CV) confinados em presídios. O fato de ser 'cria' da comunidade e ter boa organização para administrar o 'dinheiro' do tráfico fez com que ganhasse o respeito dos 'chefões', sendo responsável por comandar pelo menos 50 homens armados de fuzis e pistola. Ele mesmo, conforme o Setor de Inteligência da Policia, circula com uma pistola na cintura, sempre na garupa de um 'soldado' e demonstra grande habilidade com a arma, usando a mão esquerda. 


Festa - No fim do ano passado, 'Sem Mão' ganhou uma grande festa, após ser colocado em liberdade provisória. Moradores de São Francisco, foram despertados com uma grande quantidade de tiros e fogos na manhã do feriado em homenagem a Nossa Senhora Aparecida, a Padroeira do Brasil, em 12 de outubro. Mas o homenageado era Tiquinho, que havia sido liberado através de autorização da Justiça para visitar a família, em 29 de setembro. A decisão contrapôs um habeas corpus negado três dias antes, pela 4ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça.


De acordo com a polícia, até ser preso, Tiquinho havia assumido o controle do tráfico no conjunto de favelas de Santa Rosa, após a prisão de Joselton Pereira da Silva, 25, o Pit, em setembro de 2015.


Além de Tiquinho, os principais alvos das operações são Cleyton do Nascimento, o Ruge; Wladimir Ferreira Campos, o WD, e Givanildo Oliveira dos Santos, o Xará ou Gato de Botas, também apontado como chefe do tráfico ao lado de Tiquinho


Denúncias que ajudem a localizar estes criminosos podem ser feitas pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; Central de Atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177; através do Facebook/(inbox), www.facebook.com/procurados.org/; e pelo aplicativo Disque-Denúncia-RJ.  

Veja também