PM baleado durante operação no Rio está em estado grave

Policial já foi morador de São Gonçalo

Enviado Direto da Redação

Foto: Divulgação


O cabo Felipe Brasileiro Pinheiro, de 34 anos, atingido por dois tiros no peito durante operação no Complexo do Alemão na manhã desta quarta-feira (18), está internado em estado grave. Ele foi baleado quando criminosos armados atiraram contra os agentes na localidade conhecida como Chuveirinho, na favela Nova Brasília.


O cabo é do Grupamento de Intervenção Tática (GIT), e foi levado ao Hospital Getúlio Vargas (HGV), na Penha, onde passou por cirurgia.


O PM já havia sido baleado, junto com outros dois colegas, na mesma localidade, no último dia 3 de março, durante patrulhamento na área conhecida como Fazendinha. Na época, o cabo Rafael dos Santos Neves, 39, foi atingido no tórax e não resistiu aos ferimentos.


Até o momento, três suspeitos, ainda não identificados, morreram em confronto. Outros três suspeitos foram presos.

Veja também