Monte de orações vira local de observação do tráfico em São Gonçalo

Evangélicos tiveram de abandonar o local

Enviado Direto da Redação
Evangélicos tiveram de abandonar o local

Evangélicos tiveram de abandonar o local

Foto: Divulgação

Por Alan Emiliano

Utilizado inicialmente como local de peregrinação pelos evangélicos, o Morro das Oliveiras, no bairro Amendoeira, tem virado um paraíso para os traficantes do Terceiro Comando Puro (TCP) em São Gonçalo. Há cerca de três anos, os criminosos transformaram o ponto de oração em área de observação, onde controlam de entrada e saída de policiais e marginais de outras facções, o que tem afastado os fiéis e os deslocado para outros pontos de fé, como o Monte das Orações, em Várzea das Moças.

Um desses fiéis disse, em anonimato, que a troca foi feita até por pessoas que moram no próprio bairro Amendoeira, que tem sido vítimas da ação de traficantes ligados a Thomas Jayson Gomes Vieira, o 3N, líder do tráfico de drogas naquela região.

“Tudo começou após a morte do traficante Fat Family. Muitos criminosos conseguiram fugir do Salgueiro - local onde ele ficava - e foram para o Monte das Oliveiras, expulsando quem ficava por lá. Isso já deve fazer uns três anos. Depois disso, nunca mais tivemos a paz de frequentar um local que era marcado pela calmaria, por se tratar de um local de oração e fé. Lá era frequentado por fiéis de todos os cantos, vinha gente de Itaboraí, Niterói, Rio Bonito e por aí vai.. É triste perder um local abençoado desses para os criminosos. Esperamos que algo seja feito e a paz volte para aquele lugar”, disse.

Agentes da Polícia Civil já identificaram o local como um ponto da criminalidade naquela região e creditam a escolha dos traficantes à vista privilegiada que o local possui.

“Esses criminosos tomaram conta daquela região por ela ter um vista privilegiada de diversos pontos da cidade como o Alcântara. Nos últimos meses, em decorrência da guerra de facções existentes em São Gonçalo, esse ponto ganhou ainda mais força na criminalidade. Além disso, eles controlam a entrada e saída de agentes em uma eventual operação policial, o que acaba dificultando o trabalho da polícia, mas estamos estudando formas de combater o tráfico nessa região”, disse um agente da 74ªDP (Alcântara).

Já o comandante do 7° BPM (São Gonçalo), Gilmar Tramontini, afirmou que os locais que possuem marcas da criminalidade serão coibidos em São Gonçalo e que já está com o Morro das Oliveiras e proximidades em estudos para uma ação.

“Estamos realizando um trabalho para devolver os bairros para a população de São Gonçalo, que esteve refém da criminalidade nos últimos anos. Os criminosos tem usado artifícios para sobreviver em vários pontos da cidade, mas vamos conseguir coibir esses traficantes, onde quer que eles estejam. É apenas o início de um trabalho que vai trazer bons frutos para o município”, disse o comandante.

Veja também