Polícia Militar reforça policiamento na região do Caramujo, em Niterói

Na noite desta segunda houve protesto no local

Enviado Direto da Redação
Na noite desta segunda houve protesto no local

Na noite desta segunda houve protesto no local

Foto: Divulgação

Horas depois de manifestantes atacarem o Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) do Caramujo e tentarem bloquear a RJ-104, na altura do bairro de mesmo nome, em Niterói, policiais militares do 12ºBPM (Niterói), com apoio de agentes do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), reforçaram o policiamento na região.

Próximo ao DPO, policiais do Grupamento de Ações Táticas (GAT), com apoio de carros blindados, faziam a segurança. Já na RJ-104, o policiamento reforçado ficou a cargo do BPRv.

Na noite desta segunda, manifestantes atearam fogo na entrada do DPO do Caramujo e tentaram fechar a RJ com uma lixeira grande de aço. No momento em que os policiais chegaram no local, eles foram atacados a tiros por traficantes da área. O protesto já havia acontecido também no final de semana, mas com menor intensidade.

A atitude dos manifestantes aconteceu em represália a uma operação do 12ºBPM, realizada no sábado, quando um suspeito morreu e um segundo foi baleado.

Veja também