Homem é morto a tiros após festa de cavalgada no Largo da Ideia

Crime aconteceu na noite de domingo

Escrito por Redação 13/11/2018 11:51, atualizado em 13/11/2018 07:32
Caíque Silva estava acompanhado da esposa e de amigos
Caíque Silva estava acompanhado da esposa e de amigos . Foto: Filipe Aguiar

Uma discussão, após uma cavalgada, deixou um ajudante de cozinha morto e algumas outras pessoas feridas, na noite do último domingo, no Largo da Idéia, em São Gonçalo. O jovem que foi atingido mais gravemente pelos tiros chegou a ser socorrido, mas o veículo em que estava capotou e ele morreu antes de chegar no hospital.

A vítima, que foi identificada como Caíque Rodrigo da Silva, de 21 anos, estava acompanhado da esposa e de amigos, na Festa de Cavalgada, quando um homem bateu em um cavalo.

“A gente estava saindo da cavalgada quando meu cavalo esbarrou no cavalo do assassino. Ele começou a bater no meu cavalo, mas eu segui. Quando chegamos no ponto que íamos parar, meu marido foi falar com ele. Mas falou de boa, ele não era de briga. Só que o homem pegou um revolver e começou a atirar contra todo mundo”, contou a repositora Stefane dos Santos, de 22 anos, casada com a vítima há seis anos.

Stefane contou que, além e Caíque, outras pessoas foram atingidas de raspão. Tentando salvar a vida do marido, ela pediu ajuda no local. Um homem desconhecido ofereceu o carro para levar o ajudante de cozinha ao hospital. Mas ao chegarem no Colubandê, já próximo ao Hospital Estadual Alberto Torres, o motorista perdeu o controle do veículo e capotou com o carro.

Caíque já estava sem vida quando o socorro chegou. “Mas não foi do acidente. No carro a gente viu que estava morrendo”, contou a viúva, explicando que o motorista do carro saiu do local por medo, mas que ele só tentou ajudar. Apesar de frequentar cavalgadas, Stefane contou que o autor dos tiros não é conhecido na região.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas