Com ‘caras novas’, líderes do ‘CV’ são alvos de denúncias em São Gonçalo

O portal dos Procurados recebeu mais de 90 denúncias sobre o paradeiro de Schumacker e 2N

Escrito por Redação 14/10/2018 09:03, atualizado em 14/10/2018 08:56
. Foto: Divulgação

Se as atividades de infância preparam para a vida adulta, como descrevem os textos de internet, Schumacker Antonácio do Rosário, o Piloto ou F-1, líder do tráfico do Jardim Catarina, em São Gonçalo, deve ter brincado muito de pique-esconde, já que mesmo sendo um dos foragidos mais denunciados através do portal dos Procurados, do Disque Denúncia, ele segue ‘acelerando’ na frente para seus diversos esconderijos.

Com recompensa de R$ 30 mil para quem passar informações que levem a prisão do acusado, a população de São Gonçalo tem tentado ajudar a polícia. E o portal do Disque Denuncia já registrou, de janeiro a setembro, 95 denúncias contra Schumacker. A maior parte das denúncias é de esconderijo dentro do próprio Jardim Catarina, onde ele controla diversas bocas de fumo.

Contudo, apesar das frequentes ações das Polícias Civil e Militar, e de integrantes das Forças Armadas, no Jardim Catarina, e no Complexo do Salgueiro, comunidade vizinha que virou a ‘sede’ do Comando Vermelho, e onde Shumacker também tem influência, o criminoso segue como uma ‘lenda’ para as autoridades.

Diferente de alguns criminosos da sua geração, Shumacker não divulga fotos em redes sociais e busca mudar de fisionomia constantemente. Ontem, OSG divulgou o novo cartaz com a fotografia mais atual do criminoso, que aparece com rosto redondo e bigode fino. Mas, apesar de mais atual, novas denúncias já apontaram que essa não é mais a aparência atual do líder local.

Schumacker é acusado de fazer parte da chamada ‘cúpula’ do Comando Vermelho em São Gonçalo, sendo acusado também de atentados contra policiais militares. O Disque Denúncia já ofereceu R$ 1 mil de recompensa, mas atualmente o valor é R$ 30 mil, para quem passar informações que possibilitem a localização do criminoso. Os policiais acreditam que com o valor da recompensa, o número de denúncias deva crescer ainda mais.

Liderança – Quem também é alvo de constantes denúncias no Portal dos Procurados é Thomaz Jhayson Vieira Gomes, o 2N, apontado como ‘chefão’ do Complexo do Salgueiro, no bairro de mesmo nome, em São Gonçalo.


Para informações que levem a prisão de 2N o portal oferece R$ 10 mil de recompensa. Apesar de valer menos que Shumacker, contra 2N também já foram realizadas 95 denúncias. Mais da metade, somente no último mês.

Thomaz Jhayson chegou a ser localizado em 2014 por agentes da Delegacia de Combate às Drogas (DCOD) em uma operação para cumprir 34 mandados de prisão na comunidade do Salgueiro. No entanto, ele ficou preso durante o período de um ano, saindo em setembro de 2015 da Penitenciária Gabriel Ferreira de Castilho, em Bangu.

Além de ser investigado por diversos crimes, existem mandados de prisão expedidos pela 2ª Vara Criminal de São Gonçalo por associação para a produção e tráfico e tráfico de drogas contra Neném.

Quem tiver informação a respeito da localização dos acusados, pode denunciar pelos seguintes canais: Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; Central de Atendimento do Disque Denúncia (21) 2253-1177; através do Facebook/(inbox), endereço: https://www.facebook.com/procurados.org/; e pelo aplicativo Disque Denúncia RJ.

. Foto por Divulgação
. Foto por

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas