Ex-presidente da Acadêmicos do Cubango é ameaçado de morte

Áudio pode ter sido causa da denúncia

Escrito por Redação 26/01/2018 07:49, atualizado em 26/01/2018 07:48
. Foto:

 

Faltando apenas duas semanas para o Carnaval, o samba 'atravessou' na Acadêmicos do Cubango e foi parar na 77ªDP (Icaraí). O ex-presidente da agremiação, Olivier Luciano Vieira, o Pelé, procurou a distrital, na manhã de ontem, para denunciar supostas ameaça de morte que teria sido feita por um integrante da atual diretoria. o motivo da denúncia teria sido um áudio no sistema Whatsapp recebido pelo sambista em seu telefone celular, na noite de ontem. 


Na mensagem, uma mulher alerta que dois seguranças foram colocados em um local que ela chama de 'galpão' e pede a Pelé para não se aproximar do local porque ele seria alvo de atentado. 'É para para o Pelé para ele não aparecer por lá não, porque eles colocaram mais dois seguranças...Pede ao Pelé para não ficar na pista porque senão, eles vão atirar no Pelé', entendeu?", diz a mensagem, que tem poucos segundos. 


Segundo o presidente, a ameaça teria surgido após ele ter se recusado a assinar um documento para dar amparo legal à escola numa parceria de patrocínio com uma concessionária de fornecimento de águas na região. Apesar de ter deixado a presidência da escola no ano passado, depois de ter perdido a eleição para o atual presidente Rogério Belissário,'Pelé' pertence ao Conselho Deliberativo da Agremiação, composto pelos mais antigos membros da escola, fundada em dezembro  de 1959, e que assinam documentos para legitimar as decisões da diretoria executiva vigente, como determina o estatuto da escola. 

 

"Eu me recuse a assinar esse documento e recebi retaliações", afirmou Pelé, que esteve no comando da agremiação há 17 anos. O presidente da escola esteve na Delegacia de Icaraí em duas ocasiões, entre a manhã e a tarde de ontem. A distrital registrou a ocorrência. A atual direção da escola através da Assessoria de Imprensa, disse que "nega, veementemente, a hipótese de ameaça de qualquer natureza contra qualquer pessoa ligada à gestão que nos antecedeu e que, temos sim preocupação natural de uma agremiação cujo Carnaval está em fase final de preparação. Zelar pelo trabalho realizado e proteger alegorias e local de trabalho para que não haja qualquer acidente é natural em momentos que antecedem a escola. Quem é Cubango de coração só pode desejar o melhor para a Escola”. A assessoria da escola finaliza a nota afirmando que a direção está a disposição para sanar qualquer mal entendido. 


Após inúmeros títulos desfilando no Carnaval de Niterói, a Acadêmicos do Cubango foi a primeira a cruzar a Baía de Guanabara, em 1988, em busca de um ugar ao sol entre as grandes agremiações do Carnaval Carioca. Desde então, a escola conseguiu chegar à Marquês, depois de campeonatos nos Grupos de Acesso , e está na Série A. Nesse Carnaval, a escola leva para a Marquês de Sapucaí o enredo 'O Rei que Bordou o Mundo', dos carnavalescos Gabriel Haddad e Leonardo Bora

 

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas