Mapa das barricadas é adotado por transportadoras e aprovado pelos Correios

Mapeamento ajuda na definição de itinerários

Escrito por Redação 08/01/2018 12:24, atualizado em 08/01/2018 12:24
>> Mapa, de OSG, ajuda transportadoras na hora de definir seus itinerários
>> Mapa, de OSG, ajuda transportadoras na hora de definir seus itinerários . Foto: Divulgação


O Mapa das Barricadas, criado a partir de denúncias anônimas recebidas pela plataforma ‘Tem Barricada Aí?’ de O SÃO GONÇALO, já é referência de orientação para motoristas, moradores e comerciantes, e também foi elogiado por empresas de transportes e entregas, como os Correios e a transportadora paulista André Transportes, cujos trabalhadores tem utilizado a plataforma diariamente.


“Com esse mapa é possível escolher a melhor rota e antever situações ou problemas como furto de cargas, ou furto dos veículos, dependendo do local. Em São Gonçalo, fazemos entregas esporadicamente, mas é importante conhecer a situação dos lugares com antecedência já que são equipamentos de alto custo”, explica o sócio-proprietário da André Transportes, Jorge Roberto Xavier.


Entre os locais onde a empresa efetuou entregas nos últimos meses estão os bairros Boa Vista, Neves e Itaúna, que somam, juntos, cinco pontos de “barricadas” indicados no mapa.


Em nota, os Correios também emitiram opinião a respeito do mapeamento realizado por O SÃO GONÇALO.


“O trabalho apresentado é de grande relevância e interesse público, pois tem os traços de “mapa do crime” ou de ‘mancha criminal’, ferramentas de utilização da Segurança Pública. Esclarecemos que os Correios participam de diversos fóruns de segurança, incluindo os relativos ao município de São Gonçalo, e fornece informações que envolvem as unidades postais que sofrem algum delito criminal”.


É possível consultar o mapa pelo computador e pelo celular através do link www.bit.do/tem-barricada-ai-osg e selecionar a cidade desejada para conferir os locais onde há os obstáculos em cada rua.



Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas