Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,3317 Euro up 5,5605
Search

Mãe vai até delegacia pedir perdão à vítimas do filho em arrastão em São Gonçalo

Mais de 30 pessoas foram assaltadas

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 13 de outubro de 2017 - 13:50
Vítimas fizeram filas em duas delegacias para registrar os crimes
Vítimas fizeram filas em duas delegacias para registrar os crimes -

“Eu estou aqui morrendo de vergonha, com vontade de pedir desculpas para cada uma das pessoas que estão aqui. Eu não criei o meu filho para isso”.

Essas palavras foram ditas pela mãe de um adolescente de 17 anos que estava aos prantos na 74ªDP, após seu filho ser capturado por PMs do 7ºBPM (São Gonçalo), na manhã de ontem, por fazer um arrastão em bairros de Maricá, Niterói e São Gonçalo.

Além dele, Leonardo de Araujo Pires, de 19 anos, também foi preso, na comunidade do Capote. Dois simulacros de pistola foram apreendidos e cerca de 20 celulares recuperados.

De acordo com a polícia, quatro rapazes iniciaram as atividades criminosas no final da madrugada. Por volta das 5h, o grupo roubou uma van furgão na localidade do Biquinho de Lacre, no Colubandê, São Gonçalo.

Já por volta das 6h20, eles roubaram um Uno Vivace prata e seguiram para a cidade de Maricá, onde iniciaram o arrastão. O bando assaltou diversas pessoas que estavam caminhando pelas ruas e em pontos de ônibus de Inoã e Itaipuaçu.

Em seguida, os roubos em série continuaram por Itaipu e Várzea das Moças, em Niterói, e no Arsenal, em São Gonçalo.Mais de 30 pessoas foram assaltadas. Os outros dois criminosos conseguiram fugir.

Matérias Relacionadas