Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,1515 | Euro R$ 5,5085
Search

Preso falso massagista acusado de abusar sexualmente de mulheres

Ele dizia que era homossexual para não despertar suspeitas

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 23 de fevereiro de 2023 - 10:01
De acordo com as investigações, em 2022, o ele foi condenado pela Justiça a dois anos e quatro meses de prisão no regime semiaberto
De acordo com as investigações, em 2022, o ele foi condenado pela Justiça a dois anos e quatro meses de prisão no regime semiaberto -

Agentes da 13ª DP (Ipanema) prenderam, nesta quinta-feira (23/02), um falso massagista, de 28 anos, acusado de abusar sexualmente de mulheres. 

De acordo com a investigação, o autor utilizava outro nome para abordar as vítimas pela internet, geralmente influenciadoras digitais, em troca de publicidade.

Ele dizia que era homossexual para não despertar suspeitas, ganhava a confiança das vítimas e agendava o serviço nas casas das mulheres.

O autor pedia que elas ficassem de biquíni ou nuas e assim que iniciava a massagem, os abusos também começavam. 

Na última sexta-feira (17/02), ele ofereceu o serviço para duas amigas em um apartamento de Ipanema, na Zona Sul do Rio. Segundo elas, o autor passava as mãos nas partes íntimas e esfregava o pênis em suas nádegas.

Desconfiadas, as vítimas começaram a trocar mensagens via aplicativo de celular. Durante a massagem na segunda mulher, a amiga passou a acompanhar de perto o procedimento. 

Elas filmaram a ação do acusado e descobriram que ele havia praticado o ato anteriormente e que também foi preso em 2021 pelo mesmo crime. As vítimas compareceram à 13ª DP e relataram os fatos.

A delegacia solicitou um mandado de prisão temporária à Justiça, que foi decretado. O autor foi capturado, nesta quinta, na casa da mãe dele.

De acordo com as investigações, em 2022, o ele foi condenado pela Justiça a dois anos e quatro meses de prisão no regime semiaberto.

Matérias Relacionadas