Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,1551 | Euro R$ 5,5144
Search

Acusado de matar a jovem Ysabelli Cristinne em Maricá é preso

Alysson André Vaz da Conceição, de 20 anos, se apresentou nesta sexta (17), na Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 17 de fevereiro de 2023 - 20:40
O Disque Denúncia divulgou um cartaz com as informações necessárias para ajudar no inquérito instaurado pela DHNSG
O Disque Denúncia divulgou um cartaz com as informações necessárias para ajudar no inquérito instaurado pela DHNSG -

Alysson André Vaz da Conceição, de 20 anos, acusado de matar a jovem Ysabelli Cristinne, de 18 anos, em julho de 2022 na cidade de Maricá, foi preso nesta sexta-feira (17) após se apresentar na Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo, Itaboraí e Maricá (DHNSG).

De acordo com fontes ligadas à Polícia, ele estava acompanhado de seus advogados. O mandado de prisão contra o acusado foi deferido no dia 25 de janeiro deste ano, após apreciação do Ministério Público e Juízo e da Vara Judicial de Maricá, pelo crime de Homicídio (Lei: 2848, art. 121). Alysson estava foragido da justiça desde então.

Diante das diversas diligências, e também pelo receio de sofrer represálias em comunidades onde se escondia, Alysson, através de seu advogado, passou a negociar com os investigadores sua apresentação na sede da DHNSG.

Nesta tarde, o acusado foi preso e ouvido na sede da Delegacia de Homicídio de Niterói, onde confessou ter enforcado e deixado Ysabelli desacordada no mesmo local onde ela foi encontrada morta.

O preso será encaminhado ao sistema penitenciário ficando a disposição da justiça. O Disque Denúncia divulgou um cartaz com as informações necessárias para ajudar no inquérito instaurado pela DHNSG, para que a prisão de Alysson pudesse ser concluída. 

Há duas semanas a Delegacia Especializada prendeu também Gustavo Diniz Frazão, autor do homicídio da adolescente Maria Eduarda de Oliveira Ramos, outro crime que chocou a população de Maricá. 

Relembre o caso de Ysabelli 

A jovem Ysabelli Cristinne Souza de Oliveira desapareceu no início da noite do dia 19 de julho de 2022, em Maricá, Região Metropolitana do Rio.

A última notícia de Ysabelli teria sido quando ela saiu de casa para comprar um combo de esfirras, em uma loja de fast-food, por volta das 19h30, e não retornou. 

De acordo com familiares, Ysabelli jamais saiu ou dormiu fora de casa sem avisar, tampouco demonstrou mudanças de comportamentos ou teria motivos para fuga. 

Após uma semana de buscas, ela foi encontrada morta e sem roupas, com sinais de ferimentos na região da costela e também da cabeça, em um matagal. Um funcionário da prefeitura de Maricá achou o corpo, enquanto acontecia uma obra próxima ao local do crime, que fica às margens da Estrada dos Cajueiros, em Itaipuaçu. 

Investigações indicavam que o aparelho da jovem teria sido desligado logo após o sumiço, na noite do seu desaparecimento. Sinais das antenas da região apontaram os últimos sinais do telefone próximo ao local onde o corpo foi encontrado, indicando a hipótese do crime ter acontecido logo após Ysabelli ter saído da lanchonete.

Matérias Relacionadas