Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,1592 Euro down 5,3176
Search

Número de mortos na operação policial na Penha sobe para 26

Homem que estava internado em hospital morreu nesta madrugada

relogio min de leitura | Escrito por Agência Brasil | 26 de maio de 2022 - 14:40
Operação do Complexo da Penha é a segunda mais letal da história do Rio de Janeiro
Operação do Complexo da Penha é a segunda mais letal da história do Rio de Janeiro -

A operação do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) da Polícia Militar, da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Federal (PF) na Vila Cruzeiro, no conjunto de favelas da Penha, zona norte do Rio, na terça-feira (24) contabilizou mais uma morte. Um homem que estava internado no Hospital Estadual Getulio Vargas (HEGV), também na Penha, morreu nesta madrugada. Com isso, passou para 26 o número de mortos na ação policial.

Desde a manhã da terça-feira, 28 pessoas foram encaminhadas para o Hospital Getúlio Vargas, entre elas, segundo a direção da unidade, 21 já chegaram mortas e três perderam a vida após atendimento. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde do Rio (SES), os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico-Legal (IML), da Secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol).

“Três pacientes permanecem internados na unidade, sendo dois com quadro clínico estável e um em estado de saúde grave”, informou a secretaria.

Um outro paciente que chegou ao hospital foi transferido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP),em Bangu, na zona oeste.

“Os familiares estão sendo acolhidos pela equipe médica, direção da unidade e humanização da Secretaria de Estado de Saúde. Toda assistência está sendo prestada”, completou.

Matérias Relacionadas