Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,1515 | Euro R$ 5,5085
Search

Procurado suspeito de matar e enterrar jovem no quintal em Magé

Iranildo Martins da Silva está foragido do sistema penitenciário desde o ano passado

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 04 de maio de 2022 - 16:27
Iranildo tem dois mandados de prisão em seu nome
Iranildo tem dois mandados de prisão em seu nome -

O Portal dos Procurados divulga nesta quarta-feira (04), um cartaz para ajudar nas investigações da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) a fim de obter informações que possam levar à prisão do criminoso Iranildo Martins da Silva, de 26 anos. Ele é o principal suspeito de matar e enterrar a jovem Thuane da Silva Machado, de 20 anos, no quintal de casa em Magé, na Baixada Fluminense, na última segunda-feira (02). Ele é considerado foragido da Justiça.

Thuane da Silva foi encontrada morta e enterrada no quintal de Iranildo após sair de casa para ir ao mercado para a mãe. Segundo a família, o corpo da vítima tinha marcas de violência sexual. A mãe da jovem, disse ter ouvido gritos vindos da casa de um vizinho enquanto procurava a menina, mas não pensou ser da filha. A mãe da jovem ainda tentou procurar a vítima dentro da casa do criminoso, sem sucesso. Horas depois, o corpo da menina foi encontrado por agentes da Polícia Militar e encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Duque de Caxias.

Iranildo está foragido do sistema penitenciário, desde 24 dezembro de 2021, quando recebeu o benefício de saída temporária de Natal e não retornou mais a sua unidade prisional o Instituto Penal Vicente Piragibe, onde cumpria pena em regime semiaberto.

Contra ele constam dois mandados de prisão, expedidos pela Justiça, sendo um pelo assassinato de Thuane e um pela evasão do sistema penitenciário. Ele foi condenando por tráfico de drogas e associação ao tráfico quando recebeu o indulto natalino. 

O Disque Denúncia recebe informações sobre a localização de foragidos da Justiça, nos seguintes canais de atendimento:

Whatsapp do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099

(21) 2253 1177 ou 0300-253-1177

APP "Disque Denúncia RJ"

Facebook/(inbox): https://www.facebook.com/procuradosrj/,

https://twitter.com/PProcurados (mensagens).

Site Portal dos Procurados – em Denuncie – (procurados.org.br/contato).

Em todas as plataformas digitais, o Anonimato é Garantido.

A DHBF está encarregada do caso e do inquérito criminal.

Matérias Relacionadas