Guarda Municipal é morto a tiros no Arsenal, em São Gonçalo

Ele chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos

Escrito por Ana Carolina Moraes 02/05/2022 10:16, atualizado em 02/05/2022 09:25
Ele era conhecido como Mineiro
Ele era conhecido como Mineiro . Foto: Divulgação

O Guarda Municipal Rodrigo Santos Soares, de 41 anos, foi morto a tiros por elementos ainda não identificados na Rua Clodomiro Antônio da Costa, no Arsenal, bairro de São Gonçalo, no último domingo (01). O caso segue sendo investigado na Divisão de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí, tendo sido inicialmente registrado na 75ª DP (Rio do Ouro). 

Segundo informações da Polícia Militar, os policiais do 7º BPM (São Gonçalo) foram acionados e encontraram Rodrigo ainda com vida no local. Os bombeiros também foram acionados. Rodrigo foi socorrido e levado para o Hospital Estadual Alberto torres (HEAT), no Colubandê, onde chegou a ser atendido, mas não resistiu. 

A Polícia Civil segue buscando identificar quem atirou no guarda e por qual motivo. Testemunhas contaram que ele foi baleado por diversos homens que passaram pelo local. 

 

DH investiga o caso
DH investiga o caso | Foto: Divulgação
 


Em nota, a Prefeitura Municipal de São Gonçalo se manifestou através de uma nota de pesar. “A Prefeitura de São Gonçalo lamenta a morte violenta do guarda municipal Rodrigo Santos Soares e seguirá acompanhando o desdobramento do caso, prestando todo o apoio necessário, na certeza de que as forças policiais irão elucidar esse crime e prender os criminosos. A Prefeitura se solidariza com a família do guarda neste momento de dor e se coloca à disposição”, disse o órgão. 

A Polícia Civil foi indagada sobre as atualizações do caso, mas ainda não retornou.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas