Jogador do Flamengo que atropelou ciclista afirma que não havia consumido bebidas alcoólicas

Não há testemunhas do caso até o momento

Escrito por Redação 05/12/2021 14:50, atualizado em 05/12/2021 15:21
O jogador tem 20 anos
O jogador tem 20 anos . Foto: Divulgação

O jogador Ramon, lateral-esquerdo do Flamengo que matou um ciclista após atropelá-lo em uma via da Barra da Tijuca na noite do último sábado (04), prestou depoimento à polícia e, segundo o G1, ele não havia consumido bebidas alcoólicas antes do acidente. O caso foi registrado na 16ª DP (Barra da Tijuca) como homicídio culposo provocado por atropelamento.

Ramon,durante depoimento, afirmou que o ciclista surgiu de repente na pista. Os policiais que o ouviram confirmaram que ele não apresentava sinais de embriaguez.

Bombeiros que socorreram a vítima confirmaram que ele ainda estava com vida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho do hospital. A PM também esteve no local do acidente e agora busca analisar imagens das câmeras de segurança da região para verificar o que de fato ocorreu.

Entenda o caso:

O lateral-esquerdo Ramon, do Flamengo, se envolveu em um acidente de trânsito na noite deste sábado (4), na Avenida das Américas, na Barra da Tijuca. Segundo informações, o jogador de 20 anos atropelou um ciclista, que trabalhava como entregador de aplicativo. 

O atleta prestou socorro à vítima, mas o homem, de 30 anos, acabou não resistindo e foi a óbito a caminho do hospital. Ramon foi encaminhado para o 16ª DP (Barra da Tijuca), para prestar depoimento. 

Até o momento, a PM não conseguiu identificar nenhuma testemunha do caso.

Leia Mais: Lateral do Flamengo se envolve em acidente com vítima fatal

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas