Fuzis usados pela PM em operação no Complexo do Salgueiro, em SG, são entregues à DH

As armas irão passar por confronto balístico. Relatório interno da PM aponta que 75 policiais militares participaram da ação em conjunto de comunidades, no último fim de semana

Escrito por Redação 24/11/2021 19:39, atualizado em 24/11/2021 20:34
Após três dias da ação, a Polícia Civil recebeu as armas usadas pelos policiais
Após três dias da ação, a Polícia Civil recebeu as armas usadas pelos policiais . Foto: Filipe Aguiar/Jornal O São Gonçalo

A Polícia Militar entregou, nesta quarta-feira (24), os oito fuzis dos policiais que fizeram parte da operação que ocorreu no último fim de semana, no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, para a Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSG), responsável pelas investigações sobre a ação. As armas passarão por confronto balístico e segundo a Polícia Civil, são quatro fuzis Colt calibre 5-56, quatro AR-10 calibre .762, o que indica que foram oito agentes que utilizaram as armas durante a operação.

Relatório - Em relatório interno, a Polícia Militar aponta que ao todo, 75 PMs do Batalhão de Operações Especiais (Bope), uma das forças de elite da corporação, têm participação na operação que causou a morte de nove homens neste ultimo final de semana. Segundo informações da corporação, de todos esses PMs, os oito agentes citados participaram dá troca de tiros.

O documento numerado por 3239, chamado “Relatório de Término de Operação Policial”, foi assinado de maneira eletrônica, por um major do Batalhão de Operações Especiais (Bope). O material direcionado ao Comando de Operações Especiais (COE) da corporação, foi assinado às 7h10 do domingo, ainda durante a operação da polícia. Entretanto, o documento só chegou ao COE na terça (23), por volta das 9h dá manhã.

* Em apuração 

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas