Suspeito de encomendar morte de investidor e youtuber, em São Pedro, é preso

Outros dois suspeitos foram presos na semana passada

Escrito por Redação 09/08/2021 13:04, atualizado em 09/08/2021 13:50
Wesley foi morto dentro de seu carro de luxo na última quarta-feira (4)
Wesley foi morto dentro de seu carro de luxo na última quarta-feira (4) . Foto: Reprodução/Redes Sociais

A Força-tarefa da Polícia Civil do Rio, criada para investigar a morte do investidor e youtuber Wesley Pessano, de 19 anos, prendeu um homem suspeito de ter sido quem contratou o assassino do rapaz. O jovem foi morto a tiros dentro de seu carro de luxo, um Porsche avaliado em cerca de R$ 450 mil, na última quarta-feira (4), em São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos. 

Este é o terceiro suspeito preso pelo crime. Dois homens foram presos na última sexta-feira (6) dentro do carro usado no momento do assassinato. Segundo os investigadores, um deles é apontado como o executor dos disparos. O carro usado pelos assassinos também foi apreendido. 

Uma das linhas de investigação da Polícia Civil é se Wesley foi morto por conta de uma suposta guerra de mercado de investimento. A polícia acredita que o investidor tenha sido executado em uma espécie de queima de arquivo. Apesar das três prisões, a identificação dos suspeitos não foi divulgada pela polícia. 

Os familiares de Wesley Pessano, que moram no Rio Grande do Sul, vieram para o Rio prestar depoimento. O sócio do rapaz também foi ouvido. 

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas