Suspeito de envolvimento em morte de capitães do Exército é preso em Itaipuaçu, Maricá

O suspeito estava foragido desde 2010

Escrito por Redação 21/07/2021 16:22, atualizado em 21/07/2021 17:10
Ele responderá por posse ilegal de arma e envolvimento na morte dos capitães
Ele responderá por posse ilegal de arma e envolvimento na morte dos capitães . Foto: Divulgação

Um criminoso, que estava foragido da Justiça, foi encontrado e preso na manhã da última terça-feira (20) em sua casa no bairro de Itaipuaçu, em Maricá. Identificado como Daniel Vidal Miranda, o homem tinha uma mandado de prisão em aberto contra ele, expedido pela Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Juiz de Fora, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais. Ele é suspeito de envolvimento na morte de Daniel Azevedo Borges de Lima, de 32 anos, e Eleonardo Sabadini Santos, de 29 anos, capitães do Exército Brasileiro em 2010.

O suspeito informou aos agentes que em 2010 foi à uma festa em Juiz de Fora, acompanhado de dois traficantes da região, Vagner Neves e Davi Azevedo. Os três teriam se envolvido em uma discussão com os militares que também estavam na festa. Depois da confusão, Daniel passou a festa monitorando os militares, enquanto os traficantes foram buscar uma arma para atirar contra as vítimas. O foragido contou que Davi realizou os disparos e, depois do crime, voltou para casa. 

Procurado pela Justiça, Daniel fugiu para Maricá em 2011. Durante a vistoria em sua casa, na última terça-feira, foi encontrada uma pistola calibre .38. Daniel foi preso e responderá por posse ilegal de arma, além de envolvimento na morte dos militares. 

O suspeito foi levado à 41ª DP (Tanque) e depois encaminhado ao sistema prisional do estado. 

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas