Polícia prende Cabo da PM envolvido na morte de Fernando Iggnácio

Rodrigo da Silva Neves foi localizado em uma pousada na Bahia

Escrito por Redação 12/01/2021 21:46, atualizado em 12/01/2021 22:42
Antes de completar 10 dias após o acontecimento, a DHC esclareceu o caso
Antes de completar 10 dias após o acontecimento, a DHC esclareceu o caso . Foto: Divulgação


Nesta terça-feira (12),  agentes da Delegacia de Homicídios da Capital (DHC), em conjunto com as polícias Civil e Militar da Bahia, prenderam o policial militar Rodrigo da Silva Neves,  acusado de envolvimento no assassinato do contraventor Fernando Iggnácio, morto a tiros de fuzil em novembro de 2020, na Zona Oeste do Rio.

De acordo com informações da Polícia Civil do Rio, o Cabo da PM foi localizado em uma pousada na região de Canavieiras, na Bahia. Contra o criminoso havia um mandado de prisão temporária expedido pela Justiça Fluminense.  Ele estava foragido.

Rodrigo e mias três homens foram apontados pela equipe da DHC de ter envolvimento no homicídio. Fernando Iggnácio era genro de Castro de Andrade e foi morto em uma tarde de novembro do ano passado, em um heliporto no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste do Rio. 

Antes de completar 10 dias após o acontecimento, a DHC anunciou ter chegado aos executores  e apreendeu quatro fuzis que teriam sido usados no crime.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas