Polícia Federal deflagra operação contra fraudes na Saúde em cinco municípios da Região dos Lagos

Contratos sob investigação chegam a R$ 30 milhões

Escrito por Redação 24/11/2020 14:48, atualizado em 24/11/2020 15:46
Operação recebeu o nome de Octopus
Operação recebeu o nome de Octopus . Foto: Divulgação

A Polícia Federal, em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF) e a Controladoria Geral da União (CGU), deflagrou a Operação Octopus na manhã desta terça-feira (24). A ação, que conta com 41 agentes públicos da PF, MPF e CGU, cumpre 10 mandados de busca e apreensão nas Prefeituras e Secretarias Municipais de Saúde de cidades da Região dos Lagos do Rio. A ação aconteceu em Araruama, Búzios, Iguaba Grande, São Pedro da Aldeia e Saquarema.

As investigações começaram a partir do compartilhamento das informações da operação Scepticus, que apurava fraudes na aplicação de recursos do Fundo Municipal de Saúde nos municípios de Carapebus e Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense.

Foi apontado que o mesmo esquema criminoso poderia estar acontecendo em cidades da Região dos Lagos, causando prejuízo aos cofres públicos. Pelo menos sete contratações com as empresas envolvidas estão sob investigações.

Dentre as suspeitas de fraude, estão a escolha de empresas com sede em endereços residenciais, sem bens e empregados. Os contratos sob investigação chegam a R$ 30 milhões.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas