Justiça bloqueia bens de foragido que atropelou jovem em Rio das Ostras

Cosme ainda está foragido da justiça

Enviado Direto da Redação
Cosme ainda está foragido da justiça

Cosme ainda está foragido da justiça

Foto: Divulgação

O Tribunal da Justiça do Rio de Janeiro determinou o bloqueio dos bens do acusado de atropelar e matar o jovem David Pires da Silva, de 20 anos, no dia 2 de fevereiro. Cosme Luis dos Santos, de 64 anos, ainda está foragido. A decisão do juiz Henrique Assumpção Rodrigues de Almeida ordenou o bloqueio de todas as contas tituladas pelo réu até o valor de R$ 300 mil, o bloqueio de todos veículos de propriedade do réu, assim como a averbação de arresto na matrícula de todos os imóveis de propriedade do mesmo.

De acordo com o TJ, a família tomou conhecimento que o acusado constituiu um procurador particular para administrar, vender e alugar seus bens. Com base nessas informações, foi solicitada uma Tutela Cautelar, onde foi deferido o bloqueio de todos os bens do acusado.

Cosme ainda está foragido da justiça. De acordo com o delegado Ronaldo Cavalcante, na época, o acusado teria informado à polícia que se apresentaria na 128ª DP para prestar depoimento, logo após o ocorrido, o que não foi feito. A Polícia Civil expediu um mandado de prisão contra o acusado. Os policiais estiveram na residência de Cosme, porém segundo a policia ele teria fugido do local. De acordo com as investigações, o autor do crime estava com a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) cassada, e não tinha permissão para dirigir.

Veja também